Mushoku Tensei é retirado da Bilibili por uma polêmica Um influenciador da plataforma teria causado a retirada

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Mushoku Tensei
©Mushoku Tensei

Foi anunciado que a plataforma chinesa de streaming bilibili retirou do seu catálogo os primeiros quatro episódios da adaptação para anime das light novels escritas por Rifujin na Magonote e ilustrados por ShiroTaka, Mushoku Tensei: Jobless Reincarnation. O quinto episódio não foi mais subido na rede. A plataforma divulgou um comunicado no qual menciona que “surgiram problemas técnicos que os obrigaram a cancelar a série indefinidamente“.

Bilibili
©Bilibili

Porém, usuários de redes sociais como Weibo, Twitter, Line e Baidu apontam que a eliminação da série se deu por conta de um influenciador chinês chamado Lex Burner e seus seguidores. O pano de fundo indica que este famoso crítico fez críticas bastante duras contra o anime. Em um de seus vídeos, o influenciador menciona: “Esse é um material que só os pobres poderiam gostar porque são eles que se sentem identificados com o protagonista da história. Simplificando, Mushoku Tensei é uma bandeira que promove a mediocridade.”

Após esse fato, os seguidores do Lex Burner teriam abusado da opção que a plataforma oferece de denunciar conteúdo de baixa qualidade. Diante de milhares de reclamações, a plataforma não teria outra opção a não ser retirar a série indefinidamente até esperar que a polêmica esfriasse para depois tomar uma decisão mais adequada.

Claro, há também um movimento por parte dos fiéis seguidores da série para que ela retorne, mencionando que a crítica do influenciador foi bastante exagerada e que nem eles como espectadores nem os produtores da série tem culpa que existam pessoas com esse tipo de pensamento de classe.

Sinopse:

Apenas quando um otaku de 34 anos, desempregado, chega a um beco sem saída na vida e decide que é hora de virar uma nova folha – ele é atropelado por um caminhão e morre! Surpreendentemente, ele se vê renascido no corpo de uma criança em um estranho mundo novo de espadas e magia.
Sua nova identidade é Rudeus Grayrat, mas ele ainda mantém as memórias de sua vida anterior. Siga Rudeus desde a infância até a idade adulta, enquanto ele luta para se redimir em um mundo maravilhoso, mas perigoso.

Mais sobre:

Manabu Okamoto (Gamers!) está dirigindo a série no Studio BindEGG FIRM também é creditada na produção. Kazutaka Sugiyama (diretor de animação de DARLING no FRANXX) está desenhando os personagens.

Seven Seas Entertainment licenciou a série light novel e a adaptação de mangá de Yuka Fujikawa. A empresa também licenciou o mangá spin-off de Mushoku Tensei: Roxy de Shouko Iwami (Mushoku Tensei: Roxy Datte Honki desu).

Kadokawa publicou o primeiro volume da série de light novels em abril de 2014. A adaptação do mangá de Fujikawa começou na revista Comic Flapper da Kadokawa em outubro de 2014.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments