Primeiras Impressões: Digimon Adventure (Reboot) Revivendo a infancia de uma forma diferente

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Digimon Adventure
©Digimon Adventure

Ficha Técnica – Digimon Adventure

Gênero: AçãoAventuraComédia, Infantil, Fantasia
Estúdio: Toei Animation
Baseado em: Original
Data de estreia: 04/04/2020

Digimon Adventure, um dos meus animes preferidos da minha infância que marcou toda uma geração no final dos anos 90 e começo dos 2000 e que disputava, na época, a fama com seu rival Pokémon. Agora esse clássico ganhou um reboot, mas não pensem que vai ser a mesma coisa que antes! A história já começou diferente de seu original em muitos aspectos, buscando agradar a nova geração, mas não deixou de trazer a nostalgia para os mais velhos.

Primeiramente vamos falar da abertura? Graças a Deus agora não teremos a Angélica com um chapeuzinho do Seu Madruga cantando a abertura! Mas, piadas a parte, visualmente ela trouxe uma semelhança com a icônica abertura da versão de 1999, creio que foi para dar um ar de nostalgia mesmo. A cena de Tai caindo e rodopiando no ar, assim como na original onde todas as crianças apareciam assim foi feita nessa versão também. Mas, desta vez, não temos os demais personagens, já que agora a história vai ser mais focada em Agumon e Tai, só os dois protagonizam essa abertura. E não, a música tema não é Butterfly, mas sim uma nova (Mikakunin Hikousen), muito boa, mas, temas icônicos são temas icônicos, e essa nova, na minha opinião, não é melhor que Butterfly.

Digimon Adventure
©Digimon Adventure
Digimon Adventure
©Digimon Adventure

Agora falando desse início da história. Pra quem não se lembra o original já começava com todas os Digiescolhidos em um acampamento onde são simplesmente levados para o Digimundo e lá iniciam a aventura conhecendo seus parceiros Digimons e enfrentando o primeiro inimigo Kuwagamon. Nesta nova versão o foco é totalmente em Tai, começando pelo seu cotidiano e como ele chega ao mundo dos Digimons quando tenta salvar sua família. Pra mim é uma introdução muito melhor e mais condizente com os enredos de anime atuais. A nova geração exige que os fatos tenham alguma explicação, e não que simplesmente um personagem vá parar em um outro mundo sem ser dito como isso aconteceu. Alguns Isekais pulam essa regra, eu sei, mas é bem melhor quando se tem pelo menos um pouco de explicação. Outro fato é que o anime está mais rápido, se você assistir o primeiro episódio de 1999, vai perceber que existem muitas apresentações e pouca ação. Agora a nova versão não perde mais esse tempo e vai direto para a ação.

E falando em nova geração, nesta versão os Digimons estão na Network, e não em um Digimundo semelhante ao nosso. Esse novo lugar é totalmente conectado ao nosso mundo, pode influenciar muito mais a realidade se conectar muito mais facilmente. Elementos esses que o original dos anos 90 não tinha, por razões obvias que naquele tempo a internet era apenas um bebê recém-nascido.

Agora, quanto a design e animação estão excelentes, obviamente atualizados com as novas tecnologias que possuímos atualmente, com muito mais cenas de ação e quase sem imagens estáticas. Quanto a trilha está boa, mas confesso que senti falta de algumas trilhas clássicas do original, poderiam ter feito pelo menos alguma referência, mas mesmo assim me agradou.

Digimon Adventure
©Digimon Adventure

Sinopse:

O novo anime acontecerá em 2020 e contará com uma história totalmente nova centrada em Taichi Yagami quando ele estiver em seu quinto ano no ensino fundamental. Seu parceiro é Agumon. A história começa em Tóquio, quando ocorre um mau funcionamento da rede em grande escala. Taichi está se preparando para o acampamento de fim de semana de verão, quando o incidente acontece. A mãe de Taichi e sua irmã mais nova Hikari ficam presas em um trem que não para de se mover, e Taichi se dirige a Shibuya para ajudá-los. No entanto, a caminho de lá, ele encontra um fenômeno estranho e o leva ao mundo digital junto com os outros DigiEscolhidos.

Digimon Adventure
©Digimon Adventure

Expectativas:

Minhas expectativas são muito boas para esse reboot. Os autores conseguiram fazer algo incrível sem desrespeitar a obra original, e que não gerasse muitas comparações, criando um enredo novo, mas mesmo assim, trazendo a nostalgia do antigo para essa nova versão.

Recomendo muito tanto para a nova geração que não curtiu o anime exibido nas manhãs da Tv Globinho, como para os mais velhos que sentem saudade daquele tempo.

Nota: 5/5 – Muita nostalgia com um enredo ainda melhor

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Lucas de Melo Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Lucas de Melo
Visitante
Lucas de Melo

Só achei os traços um pouco mal feitos em algumas cenas. A animação está muito boa, bem fluida, porem alguns quadros parecem mal desenhados. Não igual dragon ball super que tinha quadros totalmente tortos, ta mais pra quadros com quase nenhum detalhe, o que na minha opinião acaba ficando bem feio.