Review: Sword Art Online Para você que gosta de games, ação e uma pitada de romance.

Vitor Nascimento
(Podcaster)
@ifusic
©A-1 Pictures/Reki Kawahara

Sword Art Online – Ficha Técnica

Gênero: Ação, Aventura, Fantasia, Shounen, Romance
Estúdio: A-1 Pictures
Baseado em: Light Novel
Número de Episódios: 25
Estreia: 2012

SINOPSE
No ano de 2022, a Realidade Virtual Massive Multiplayer RPG Online (VRMMORPG), Sword Art Online (SAO) é lançada. Com o auxílio do equipamento Nerve Gear, um capacete de realidade virtual que estimula os cinco sentidos do usuário através de seu cérebro, os jogadores podem experimentar e controlar suas personagens no jogo com suas mentes. No dia 6 de novembro de 2022, cerca de dez mil jogadores conseguiram comprar uma cópia e entrar pela primeira vez. O fator inesperado era a opção de “deslogar” que não estava disponível. Eles então são informados por Kayaba Akihiko, o criador de SAO, que somente poderão sair ao completarem os cem andares de Aincrad. A história segue então com o protagonista, Kazuto “Kirito” Kirigaya, determinado a ficar cada vez mais forte para completar o jogo.

POR QUE GOSTEI?
Inúmeros motivos me levaram a gostar dessa obra. O protagonista ser “fodão” desde o início me chamou bastante a atenção. Outro detalhe fascinante é a trilha sonora. Todas as OST’s de SAO levam o telespectador a excitação e ao ápice do que a cena quer passar. Recheado de cenas de tirar o fôlego, como a que Kirito é forçado a revelar sua Skill própria. Ou de cenas muito emocionantes, que com as trilhas sonoras tristes, deixam qualquer pessoa mole aos prantos. O carisma dos coadjuvantes também me fez ter um apreço pelo anime. O fato de o protagonista ser “foda” desde o princípio, levou a um maior desenvolvimento das pessoas ao seu redor.

©A-1 Pictures/Reki Kawahara

Fato é: O anime não foca apenas em desenvolver o protagonista, como acontece em muitos shounens, entretanto, preocupa-se em desenvolver quem o rodeia a cada episódio eletrizante. Sem falar que o romance de Kirito e Asuna e a relação conturbada dele com a “irmã” na segunda parte são um acréscimo interessante.

O QUE NÃO GOSTEI?
É difícil dizer coisas que eu não gostei em SAO. Eu amei o anime. Posso destacar o fato de que algumas cenas da light nóvel não foram bem adaptadas e explicadas. Quem já leu a obra original sabe do que eu estou falando. Tirando esses pequenos furos, não há nada demais para destacar. Na segunda parte do anime, que o Kirito parte com sua “prima-irmã” para ALO, também me decepcionei com a demora que foi para desenvolver certas coisas.

MELHORES MOMENTOS
Atenção leitor! Esse trecho contém spoilers sobre o enredo da obra. Caso não queira ser afetado pule para o tópico “Conclusão”.

Sword Art Online é recheado de momentos fantásticos. O primeiro marcante foi quando Kirito viu uma guilda, que ele tinha entrado escondendo seu verdadeiro nível, ser totalmente dizimada bem diante dos seus olhos. O drama que envolveu a personagem Sachi e o recado que ela manda posteriormente são de cortar o coração. Depois disso, devo destacar um momento no episódio 4. Quando Kirito está lutando na ponte e os bandidos não conseguem fazer o HP dele reduzir, pois ele recuperava 700 de HP a cada 10 segundos e os capangas não geravam nem 600 de Dano. Prosseguindo com as coisas marcantes chegamos ao episódio em que nosso protagonista é forçado a revelar sua “Dupla Empunhadura”, Skill exclusiva dada a ele no game, contra o poderoso “Demônio de Olhos Azuis”. Que batalha amigos!

Seguindo a vertente das coisas emocionantes… Temos a cena em que Yui, a filha de Kirito e Asuna, é deletada pelo sistema. Quem não ficou comovido? Além disso, tivemos a batalha “foda” contra o “foderoso” Skull Reaper, onde nossos heróis quase foram para o saco. Para fechar Aincrad: O fim do mundo. Cara, simplesmente chorei esse episódio inteiro. Foi um mix de cenas emocionantes.

Na segunda parte do anime, que cobre a saga de ALFheim Online (ALO), tivemos mais algumas coisas marcantes. Primeira delas foi a cena da ponte. QUE ESPETÁCULO! Tudo bem, quem leu a Light Novel sabe que aquela cena da ponte foi cheia de furos, porém, não deixou de ser incrível. Kirito virando aquele monstro através de magia e dizimando com o exército foi sensacional. Outro momento épico foi a luta do namorado de Asuna contra o chefe dos Salamanders, Eugene. E para terminar: Kayaba Akihiho – O retorno. Outra cena magnífica. Quando o criador de SAO volta das cinzas e ajuda o Kirito a encerrar as tramoias de Sugou.

Kirito bloqueando o movimento de Eugene.
©A-1 Pictures/Reki Kawahara

CONCLUSÃO
Se você ainda não parou para assistir a esse anime incrível, talvez esteja na hora de fazer isso. O anime é acessível, pois tem no Netflix e Crunchyroll. Então? Está esperando o que? Sword Art Online com certeza vale uma maratona de final de semana. E você leitor? O que acha da obra?! Vamos conversar nos comentários.

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
5 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Ewerton Almeida
Ewerton Almeida
4 anos atrás

Vale muito a pena ver

Alessandro Rick
Alessandro Rick
4 anos atrás

então…este é um post a dizer o porque vc ama SAO ou um review?

fellipe oliveira
fellipe oliveira
4 anos atrás

Por onde começar, SAO tem um problema de ritmo enorme, o primeiro episódio é muito bom, só que coisas estranhas começam a ocorrer nos outros, vou explicar. Nos primeiros eps kirito se junta a uma guilda e todos os seus companheiros morrem, era exatamente o tipo de drama que eu esperava, afinal morte no jogo=morte na vida real, ok mas o que agente vê na sequência é basicamente enrolação com garotas que ninguém liga, casinha e uma batalha repentina e inesperada contra o criador do jogo sabe do nada mesmo, cujo o kiritão da massa vence com o poder do protagonismo, uma bagunça, e será que alguém pode me explicar as motivações do criador para aprisionar todo mundo dentro de um jogo

CoisaDeLoco2
4 anos atrás

Tomei tanto spoilers que perdi a vontade de ver , taquei na minha lista ‘Um dia eu vejo ! (quer dizer nunca)’ hehehe !!!

Daniel
Daniel
1 ano atrás

Simplesmente maravilhoso esse anime