Kyoto Animation – Conheça o estúdio que foi incendiado nesta quinta-feira A empresa foi fundada em 1981

Ana Paula
(redatora de noticias)
Kyoto Animation
© Kyoto Animation

A Kyoto Animation, conhecida como KyoAni, foi fundada em 1981 por ex-funcionários da Mushi Production, e é sediada na cidade de Uji, na Prefeitura de Quioto. O estúdio possui um estúdio de animação subsidiário, o Animation Do, sediado na cidade de Osaka, e administra uma escola de animação própria, onde são formados futuros animadores para o estúdio.

Kyoto Animation
©Kobayashi-san Chi no Maid Dragon

Produções:

O estúdio produziu programas de animação populares, incluindo K-On, Clannad, Tsurune: Kazemai Koukou Kyuudoubu, Kobayashi-san Chi no Maid Dragon e, a mais consagrada, Violet Evergarden, que foi adquirida pela Netflix para um mercado global. O estúdio também lançou filmes anime como Koe no Katachi em 2016, Hibike! Euphonium em 2015 e Free! Eternal Summer em 2014.

Além disso, prestou serviços para filmes como Akira e Pokémon e muitas séries famosas como Inuyasha e Cowboy Bepop.

Novos lançamentos para 2020 estavam sendo preparados, como o filme de Violet Evergarden e o novo longa de Free!.

A companhia também publica muitas light novels populares principalmente sobre a vida escolar na adolescência.

A partir de 2009, a Kyoto Animation passou a conceder prêmios a light novels e mangás originais através de seu prêmio anual Kyoto Animation Awards.

Kyoto Animation
©Violet Evergarden

Politica da empresa:

A KyoAni é conhecida por pagar a seus animadores um salário regular, quebrando o padrão de pagamento da indústria, que é visto como uma pressão extrema sobre o pessoal.  Além de sempre tentar contratar mais mulheres para sua equipe, do que seus concorrentes.

De acordo com Dani Cavallaro, crítica especializada na cultura de animes e mangás e autora do livro “Kyoto Animation: A Critical Study and Filmography” publicado em 2012, a Kyoto Animation tornou-se reconhecida por seus “altos valores de produção e sensibilidade às maravilhas e dilemas da vida cotidiana”

Fontes: Aqui, Aqui e Aqui

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.