Vanitas no Carte – Diretor comenta sobre a produção do anime Conheça um pouco mais do making off da animação!

Matheus Henrique
(redator de noticias)
Vanitas no Carte
©Vanitas no Carte

Durante o painel da Anime Expo Lite 2021 e Aniplex Online Fest 2021, o diretor da adaptação para anime Vanitas no Carte (The Case Study of Vanitas) falou um pouco sobre a produção do anime.

O diretor Tomoyuki Itamura, em seu vídeo pré-gravado, a adaptação para mangá, escrito e ilustrado por Jun Mochizuki, trouxe detalhes da visão da abordagem criativa da equipe quando pegou a tarefa de animar a obra Vanitas no Carte.

“Estética pode ter sido a primeira palavra que veio à mente”

Disse o diretor Tomoyuki Itamura no início do vídeo, descrevendo seus pensamentos sobre o mangá.

Vanitas se passa em Paris, com vampiros e elementos steampunk. Capturar essa vibe tão distinta foi uma tarefa muito importante para o anime.”

Minutos depois do vídeo, o produtor Naoki Amano continuou a explicação de que o pensamento do diretor foi alcançado em todos os aspectos do processo de produção.

“No estágio de escrita do roteiro, o escritor de composição da série Deko Akao dividiu a história em episódios individuais, acompanhando os eventos de forma que cada momento-chave do mangá recebesse um período de tempo apropriado.

Na fase de storyboard que serve de “blueprint” para o vídeo finalizado, segundo Naoki, Itamura queria representar o máximo possível de poses do mangá e, como resultado, os storyboards se assemelham fortemente ao mangá.

No entanto, ele relata que o anime exerce as suas diferenças nos movimentos entre fotogramas. A animação, em especial, toma liberdade com a ação do episódio 1 ao retratar uma cena de luta usando silhuetas.

O trabalho maior foi com os animadores individuais que dão vida as cenas com seus desenhos. O diretor teve muito cuidado em manter o controle do cenário e onde os personagens estão posicionados, a fim de trazer uma coreografia de ação satisfatória.

O designer de personagens e diretor-chefe de animação, Yoshiyuki Ito, também participou do vídeo no evento da Aniplex, falou do processo de criação dos personagens.

Embora ele tenha observado que é difícil animar personagens que aparecem exatamente como aparecem no mangá, ele queria desenhá-los o mais próximo possível dos designs do mangá.

“Para tanto, consultamos Mochizuki e incorporamos várias ideias visuais dela. Isso se aplica não apenas aos personagens, mas também aos projetos de objetos e cenários como o Livro de Vanitas e como ele se move. Foi particularmente meticuloso no que diz respeito à animação 3D do Livro, pois seus movimentos não existem no mangá.

Da mesma forma, o pintor Izumi Takizawa, que coordena como o diretor de cores do anime e as aplica a cada quadro individual, inspirou-se fortemente nas escolhas de cores do mangá.

“Ao mesmo tempo que o anime precisava usar cores um pouco diferentes das escolhas muito estilísticas do mangá para manter a ação fundamentada durante todo o tempo de execução. Tentei usar cores vivas sempre que possível para capturar o espírito do mangá.

No final do processo está a composição, que combina os elementos 2D e 3D com os fundos e outros elementos. Itamura também comentou sobre a dublagem, elogiando Natsuki Hanae e Kaito Ishikawa por sua versatilidade e capacidade de resposta ao feedback.

Vanitas no Carte
©Vanitas no Carte

O painel terminou com uma prévia do episódio 2 e uma breve introdução aos novos personagens que irão aparecer. Jun Mochizuki deixou uma mensagem agradecendo a todos os staffs principais e os telespectadores, expressando sua esperança de que todos gostem de assistir o anime conforme ele se desenrola.

A estreia de Vanitas no Carte aconteceu no dia 2 de julho no Japão e vai ao ar em duas partes, com a segunda ainda sem data de estreia agendada. A animação será lançada também pela Funimation aqui para a América Latina.

Confira o trailer promocional abaixo:<

/h4>

Sinopse:

Era uma vez um vampiro conhecido como Vanitas, odiado por sua própria espécie por ter nascido sob uma lua cheia azul, já que a maioria nasce na noite de uma lua vermelha. Temeroso e sozinho, ele criou o “Livro de Vanitas”, um grimório amaldiçoado que um dia se vingaria de todos os vampiros; essa é pelo menos a história.

Vanitas no Carte segue Noah, um jovem que viaja a bordo de uma aeronave na Paris do século 19 com um objetivo em mente: encontrar o Livro de Vanitas. Um ataque repentino de vampiros o leva a conhecer o enigmático Vanitas, um médico que se especializou em vampiros e, para a surpresa de Noah, um humano completamente comum. O misterioso médico herdou o nome e o texto infame do Vanitas da lenda, usando o grimório para curar seus pacientes. Mas por trás de seu comportamento gentil, esconde algo um pouco mais sinistro…

Mais sobre:

Mochizuki começou a publicação do mangá através da revista Gangan Joker da editora Square Enix em dezembro de 2015.

A animação será pelo estúdio BonesTomoyuki Itamura é o diretor, Deko Akao compõe a série e Yoshiyuki Ito é o diretor de design e animação dos personagens.

Fonte: Aqui

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments