Mangaká revelou que a Weekly Shonen Jump não permite alterar o ritmo de publicação O autor pediu para que pudesse publicar a cada 15 dias, mas foi rejeitado

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Weekly Shonen Jump
©Weekly Shonen Jump

Alguns dias atrás, foi relatado que Gege Akutami colocou o mangá Jujutsu Kaisen em um hiato após um declínio em sua saúde. Seu desempenho havia sido prejudicado desde o capítulo 150, e seus seguidores apontaram que o peso de uma serialização semanal pode ter sido demais. Alguns chegaram a afirmar que uma boa ideia seria publicar um grupo de mangás em uma semana e outro grupo na próxima, dando mais tempo aos autores que passariam a publicar dois capítulos por mês. No entanto, essa proposta já havia sido feita pelo autor Masanori Morita (Rokudenashi Blues), que escreveu no Twitter:

“Quando eu estava trabalhando na redação de ‘Besharigurashi’, pedi ao departamento editorial da Weekly Shonen Jump para publicar um novo capítulo a cada duas semanas, já que eu não conseguia mais acompanhar uma serialização semanal, mas simplesmente me disseram, ‘A Jump é uma revista semanal ”. Em vez de dizer a eles: “Existem caras que publicam algo novo sempre que querem!”, simplesmente pedi minha mudança para a revista Young Jump. Eles nem mesmo me pararam.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments