One Piece – Eiichiro Oda fala sobre os YouTubers que criam teorias sobre sua história "Estou surpreso que eles estejam tão informados sobre 'One Piece'"

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
One Piece
©One Piece

Nas anotações do autor do centésimo primeiro volume do mangá One Piece, o autor Eiichiro Oda escreveu sua opinião sobre os YouTubers de anime que publicam suas teorias e análises sobre o desenvolvimento da obra.

“Sei que existem tantos YouTubers e já vi alguns dos seus vídeos. Estou surpreso que eles estejam tão informados sobre ‘One Piece’. Mas tenha em mente que você não deve assistir seus vídeos de previsão / teoria, pois eles podem acertar o alvo. Seria perigoso para mim presumir que seu conhecimento de ‘One Piece’ é o nível médio de todo o meu público. Uma grande quantidade de público lê ‘One Piece’ apenas para se divertir casualmente, então eu tenho que desenhar ‘One Piece’ para que seja adequado para o nível de conhecimento de todos. “

“Se eu desenhasse principalmente para os YouTubers, isso me corromperia como um mangaká, pois eu começaria a pensar que ‘meu público pode entender o que está acontecendo aqui mesmo se eu pular algumas explicações.’ Não tenho intenção de censurá-lo pesadamente, então fique à vontade para curtir os YouTubers de ‘One Piece’.”

Oda pode estar se referindo apenas a YouTubers que falam japonês, já que alguns fãs afirmam que nem ele nem sua equipe gastariam tempo traduzindo YouTubers de outros idiomas.

Sinopse:

Houve um homem que conquistou tudo aquilo que o mundo tinha a oferecer, o lendário Rei dos Piratas, Gold Roger. Capturado e condenado à execução pelo Governo Mundial, suas últimas palavras lançaram legiões aos mares. “Meu tesouro? Se quiserem, podem pegá-lo. Procurem-no! Ele contém tudo que este mundo pode oferecer!”. Foi a revelação do maior tesouro, o One Piece, cobiçado por homens de todo o mundo, sonhando com fama e riqueza imensuráveis… Assim começou a Grande Era dos Piratas!

Mais sobre:

One Piece é uma série de mangá japonesa escrita e ilustrada por Eiichiro Oda. Ela é publicada na revista Weekly Shounen Jump, da editora Shueisha desde 22 de julho de 1997. O mangá foi adaptado em um episódio OVA produzido pela Production I.G em 1998, e num anime produzido pela Toei Animation, transmitido no Japão desde 1999. Além disso, a Toei produziu treze filmes de anime, um OVA e onze episódios especiais de televisão.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.