Kingdoms of Amalur: Re-Reckoning – Expansão “Fatesworn” sai dia 14 de dezembro para PC, Xbox One e PS4. "Trave uma última batalha contra os Niskaru e seus irmãos do Caos"

Pires94
(redator de noticias)
Kingdoms of Amalur: Re-Reckoning
© Kingdoms of Amalur: Re-Reckoning

Estando disponível desde setembro de 2020 para PS4, Xbox One, Switch e PC (Steam), Kingdoms of Amalur: Re-Reckoning, o RPG de ação da THQ Nordic, agora acaba de receber uma nova expansão chamada de “Fatesworn”.

A respectiva expansão (cujos detalhes você pode conferir logo a seguir) deve chegar para os consoles do PlayStation 4, Xbox One PC já no dia 14 de dezembro pelos valores de $ 19,99 / € 19,99 / £ 17,99 (dólares, euros, e libras respectivamente) anunciaram a editora austríaca e a desenvolvedora KAIKO. Contudo, uma data de lançamento para a versão do Switch ainda não foi anunciada.

Por fim, vale lembrar que a Fate Edition de Re-Reckoning inclui o jogo básico e a expansão por $ 54,99 / € 54,99 / £ 47,99.

Sinopse:

“Viaje para um novo ambiente Amalur cheio de tundras nevadas, cavernas profundas e inimigos traiçoeiros, e visite vilas nas montanhas e a antiga cidade à beira do lago de Crownhold. Domine o poder instável do Caos com uma nova árvore de Habilidades sem combate e classe de armas e armaduras exclusivas. Como o lendário Fatesworn, você travará uma última batalha contra os Niskaru e seus irmãos do Caos, à medida que as masmorras do Caos geradas processualmente transformam todas as regiões de Kingdoms of Amalur: Reckoning em um campo de batalha potencial.”

Confira o vídeo abaixo:

Mais sobre:

Requisitos mínimos de sistema (Windows);

Sistema Operacional: Windows 7, 8, 10 (de 64 bits);

Processador: Intel ou AMD Dual Core CPU 2.5 GHz;

Memória: 4 GB de RAM;

Placa de vídeo: DirectX 10, AMD ou NVIDIA Card (1 GB VRAM);

DirectX: Versão 11;

Armazenamento: 40 GB de espaço disponível.

Fonte: Aqui.

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.