Tokyo Ghoul:RE ganhará anime em 2018 Também foi divulgado um pequeno teaser.

Helio Filho
(Redator de Notícias, Revisor e Ex-Supervisor)
Tokyo Ghoul:RE
© Sui Ishida

Foi revelado pela Marvelous que o mangá Tokyo Ghoul:RE ganhará uma adaptação para anime em 2018. A notícia veio à tona com a abertura do site da adaptação, também foi divulgado um pequeno vídeo promocional.

Sinopse de Tokyo Ghoul:RE

Dois anos se passaram desde o ataque da CCG a Anteiku. Embora a atmosfera em Tóquio tenha mudado drasticamente devido à crescente influência do CCG, os ghouls continuam a apresentar um problema, já que começaram a tomar cautela, especialmente a organização terrorista Aogiri Tree, que reconhece a crescente ameaça do CCG para sua existência.

A criação de uma equipe especial, conhecida como o Quinx Squad, pode proporcionar ao CCG o impulso que precisam para exterminar os residentes indesejados de Tóquio. Como seres humanos que foram submetidos a uma cirurgia para fazer uso das habilidades especiais de um ghouls, eles participam de operações para erradicar as criaturas perigosas. O líder deste grupo, Haise Sasaki, é um meio-ghoul, meio humano, que foi treinado pelo famoso investigador de classe especial, Kishou Arima. No entanto, há mais para este jovem do que os olhos, como lembranças desconhecidas em sua mente, lembrando-o lentamente da pessoa que ele costumava ser.

Tokyo Ghoul:RE
© Sui Ishida

Sobre a série:

Tokyo Ghoul:RE é a continuação direta de Tokyo Ghoul e começou a ser publicado em 2014 e tem até o momento 12 volumes. Ambos os mangás são escritos por Sui Ishida. Tokyo Ghoul foi publicado de 2011 a 2014 em um total de 14 volumes na revista Young JumpNo Brasil está em publicação pela editora Panini.

As adaptações animadas do primeiro mangá foram produzidas pelo estúdio Pierrot em duas temporadas, com 12 episódios cada, entretanto, a segunda segue um caminho que difere a do mangá.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.