Estúdio da franquia Fate é investigado por sonegação fiscal Buscas foram realizadas dentro da empresa

Ana Paula
(redatora de noticias)
estúdio
©Fate/Stay Night

A revista Weekly Bunshun Digital informou nesta quinta-feira que o Escritório Regional de Tributação de Tóquio conduziu uma procuração nos escritórios do estúdio de animação Ufotable em 12 de março como parte de uma investigação sobre a suposta acusação de sonegação fiscal. O relatório afirma que um representante da Repartição conduziu buscas nos cafés da empresa em Kōenji e Tokushima, bem como no estúdio de animação em Shimoigusa, em Tóquio.

De acordo com o relatório, o fundador da Ufotable, o diretor representante e o presidente Hikaru Kondo supostamente recebiam diretamente parte da receita proveniente das vendas de mercadorias do estúdio.

A Weekly Bunshun Digital declarou que entrou em contato com o Escritório Regional de Tributação de Tóquio, mas um porta-voz da Repartição disse que a organização não pode comentar casos específicos. A revista também entrou em contato com o estúdio que pediu para perguntar diretamente a Kondo, que não respondeu. A publicação ainda afirmou que, de acordo com suas fontes relacionadas à situação, Kondo admitiu as suspeitas das autoridades.

Mais sobre:

Ufotable foi fundada em 2000, e o estúdio é mais conhecido por suas várias adaptações de anime da franquia Fate, incluindo Fate/Zero e Fate/Stay Night. O estúdio está atualmente produzindo a trilogia de filmes de anime Heaven’s Feel e o anime de televisão Kimetsu no Yaiba que estreia em 6 de abril.

A empresa também vende mercadorias dos vários animes que produziu e administra vários cafés através dos quais vende algumas de suas mercadorias, além de organizar o evento de anime Machi Asobi em Tokushima

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.