Citrus | EP 3 – Tudo que você precisa é de uma irmã mais nova Você descobre seus sentimentos, acha que a pessoa está na mesma e no fim das contas?

Vitor Nascimento
(Podcaster)
@ifusic
©Passione/Saburoeta

Citrus | Episódio 3 – Amor de irmãs?

Tudo começa bem! Sabe aquele episódio que nos primeiros minutos você pensa – caramba! Hoje vai ser diferente, hoje a Yuzu não vai se ferrar. Esse foi meu pensamento, uma vez que, finalmente a garota entendeu, ou, pelo menos, iniciou um entendimento sobre os seus sentimentos para com a Mei. Sua amiga, Harumi, mais uma vez foi essencial. Graças a ela que Yuzu chegou a uma conclusão tão importante.

Agora vai! Quando uma personagem está determinada com seus sentimentos, nada pode parar seu ímpeto. Mas com a Yuzu é tudo ao contrário. Uma situação com seu “avô”, diretor do colégio, força uma ida ao hospital. Parece que o karma veio cobrar sua dívida, não é? Senhor diretor. Nossa protagonista fez o que qualquer um faria perante a situação. Entretanto, foi gratificada com uma isenção de sua expulsão. Boas atitudes geram coisas agradáveis.

©Passione/Saburoeta | Yuzu Peter Parker

Estava tudo fluindo bem para a nossa menina superpoderosa. Foi muito gratificante o momento em que Mei pede para ser chamada pelo primeiro nome. Isso não é novidade, no Japão, chamar pelo primeiro nome é coisa de extrema intimidade. Yuzu, por motivos óbvios, fica feliz. Essa alegria é completada pela volta de Mei à sua casa. Primeiro tempo ótimo, certo? Torcida empolgada e…

Quem acompanha futebol, já deve ter ouvido falar do termo “apagão”. É quando um time está vencendo por uma vantagem considerável e, como em um piscar de olhos, leva uma virada no placar. Yuzu voltou para a segunda parte do episódio e adivinhem? Apagão! Mei, que, mais parecia um caminhão, atropelou os sentimentos da nossa protagonista ao falar uma frase muito forte. “Eu não tenho interesse em você.” Não era o que parecia, certo? É sempre assim. As pessoas dão a entender uma coisa, porém, é outra bem diferente.

©Passione/Saburoeta | Alguém anotou a placa?

Tudo que você precisa é de uma irmã mais nova

Antes de sofrer o “atropelamento”, Yuzu estava focada. Foi interessante ver o empenho que ela demonstrou para tentar entender e chegar a incógnita da questão. Podemos dizer que seus métodos de pesquisa foram bem diretos. Um mangá de irmãzinhas. Isso mesmo! Me veio na hora, o recente anime da temporada de outono, Imouto Sae Ireba Ii. Yuzu foi muito o Itsuki (Protagonista de Imouto) nessa hora. Inclusive, o título traduzido desse anime é exatamente esse do cabeçalho.

E não foi somente isso, a nossa personagem principal buscou agradar Mei de todas as formas. Com costura, com tratamentos especiais. Ver seu entusiasmo virando uma bola de neve foi complicado.

Parece que o jogo virou, não é mesmo? 

©Passione/Saburoeta | Nesse sentido aqui

Depois de ser agarrada nos dois primeiros episódios, Yuzu resolve dar o troco. Claro! Depois de dez minutos de sofrimento, era o que ela poderia fazer. É o famoso termo “jogar a me*** no ventilador”. Yuzo não só jogou, como mostrou em atitude. Obviamente, a situação mexeu com Mei também e nos deixou com uma grande expectativa para a semana que vem.

Episódio bom. Bem desenvolvido. Há drama e comédia de uma forma balanceada. Ver a Yuzu se dando mal cada vez mais é doloroso, entretanto, tudo tem seu tempo. O que achou desse episódio de Citrus, caro leitor? Comente e deixe sua nota nas estrelinhas. Vamos participar da discussão! É isso ai! Vou ficando por aqui e até sábado que vem.

Nota: A – Ótimo

Observação: Já leu a todas as nossas Reviews aqui do site? Acredito que não. Procure as que você ainda não viu acessando o nosso índice. – Lista de Reviews

Essa é a nota dá redação a esse episódio de Citrus, qual a sua nota?
  • Média da redação
4

Resumo

Dê sua nota, caro leitor! Quanto vale esse episódio de Citrus?!

Sending
User Review
4.56 (9 votes)
SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.