Diretor de Evangelion, Hideaki Anno, expressa preocupação com a indústria de animes A declaração de Hideaki Anno foi feita em entrevista recente para a agência de notícias Russa Ria Novosti.

Raul Henrique
@raul_diz
Hideaki Anno
© Hideaki Anno

O famoso diretor de animes, Hideaki Anno, comentou em uma entrevista recente para a agência de notícias Russa, Ria Novosti, sua crescente preocupação com o estado atual da animação japonesa. Na entrevista, afirma que o anime “está perdendo sua faísca” e que teme pelo futuro da indústria no Japão. Claro, ele acredita que após o colapso completo vem um novo ressurgimento, mas não está convencido de que os consumidores estão dispostos a esperar.

Em sua opinião, a indústria de anime no Japão poderia chegar a um fim em apenas cinco anos, embora assuma que o declínio poderia ser estendido para 20 anos. Como suas principais causas mencionou a acentuada falta de financiamento e recursos humanos, já que há menos animadores no Japão.

Ainda assim, Anno não acredita que o fim dos animes seria significante para mudanças nas condições atuais da indústria, o que levaria, por sua vez, à criação de projetos muito interessantes. Para o diretor, essa “catástrofe” da indústria japonesa marcaria o fim do domínio japonês no gênero. A produção então passaria para outros países asiáticos que estão crescendo cada vez mais e produzindo obras para seu público nativo. Anno exemplificou que considera que Taiwan, em cerca de cinco anos, poderia ser um substituto para o Japão. Em uma viagem recente, ele pode ver pessoalmente a paixão e a energia dos líderes do lugar. Enquanto a indústria no Japão trabalha no que chama de “inércia”.

Apesar de sua negatividade, Anno acredita que a animação no Japão deveria ser mais flexível para se adaptar a novos métodos, como a animação criada por computador, para encontrar novas formas de criar um anime interessante em novos ambientes, e que, em seu ponto de vista, o atual modelo de negócios que permanece no país não é sustentável.

FONTE: Aqui

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments