Primeiras Impressões: Sekai Saikou no Ansatsusha, Isekai Kizoku ni Tensei suru O isekai do assassino é uma genuína surpresa...

Alex Kurt
(anapnf22@gmail.com)
Sekai Saikou no Ansatsusha
©Sekai Saikou no Ansatsusha

Ficha Técnica – Sekai Saikou no Ansatsusha, Isekai Kizoku ni Tensei suru

Gênero: Ação, Fantasia
Estúdio: Silver Link
Baseado em: Light Novel
Data de Estreia: 06 de outubro

As light novels são conhecidas por terem títulos longos, e isso se aplica ao The World’s Finest Assassin Gets Reincarnated in Another World as an Aristocrat, em japonês Sekai Saikou no Ansatsusha, Isekai Kizoku ni Tensei suru. O anime com um grande nome e aspirações ainda maiores acaba de exibir seu primeiro episódio hoje. Vamos ver como se saiu nesta análise!

O anime é uma fantasia de ação baseada em uma light novel escrita por Rui Tsukiyo (Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi). A adaptação é dirigida por Tamura Masafumi, que é conhecido por dirigir animes como Ange Vierge, Kenja no Mago e Two Car.

O anime é produzido pelos estúdios Palette e Silver Link. O Palette é um novo estúdio com quase nenhum anime anterior em seu currículo. Em contraste, Silver Link está no jogo há mais de uma década e produziu animes como Kokoro Connect, Non Non Biyori e Kenja no Mago.

Sinopse:

O maior assassino da Terra só soube viver como uma ferramenta para seus patrões, até que eles pararam de permitir que ele vivesse. Renascido pela graça de uma deusa em um mundo de espadas e feitiçaria, ele teve a oportunidade de fazer as coisas de forma diferente desta vez, mas há um problema… Ele têm que eliminar um herói super poderoso que trará o fim do mundo a menos que ele seja interrompido. Agora conhecido como Lugh Tuatha Dé, o mestre assassino certamente tem as mãos ocupadas, principalmente devido a todas as lindas garotas constantemente ao seu redor. Lugh pode ter sido um assassino incomparável, mas como ele se sairá contra inimigos com magia poderosa?

Expectativas:

Vamos primeiro abordar o elefante na sala. Sim, o anime é um Isekai. Isso significa que vem com toda a bagagem associada a esse gênero particular de anime. O início dele é genérico e não tem muito valor se você souber que o personagem principal renascerá a qualquer segundo. A série também foi escrita pelo agora notório escritor de Kaifuku, Rui Tsukiyo. Uma tonelada de fanservice é, portanto, de se esperar.

No entanto, o primeiro episódio de The World Finest Assassin, procurou abordar essas duas dúvidas diretamente e teve grande sucesso em fazê-lo. O anime nos enganou em sua primeira cena, fazendo-nos pensar que o tema seria mais sexual do que é. A cena então se transformou em uma grande cena de ação que nos diz muito sobre a personalidade do personagem principal, o titular “O Melhor Assassino do Mundo”.

Sekai Saikou no Ansatsusha
©Sekai Saikou no Ansatsusha

O início do anime esclarece logo que o assassino não é um cara bom. Ele é um protagonista que habita uma zona cinza, e isso deriva das circunstâncias e experiências vívidas por ele. Coisas como essa sempre adicionam um toque especial a trama, o que é muito apreciado.

Havia também alguns personagens secundários, que deverão ser o futuro “harém” do protagonista que deverão ajudá-lo na missão dada pela Deusa neste novo mundo onde ele renasceu. No geral, a história começou como algo genérico e não original, e rapidamente se transformou em uma intriga real e interessante pelo menos para mim.

A animação na abertura também é sólida e muito bonita de se ver. A trilha sonora usada ao longo do episódio não foi muito perceptível ou digna de menção, já que nada se destacou como a abertura. O tema final também pareceu um pouco lento na primeira audição, mas vai demorar um pouco para formar uma opinião completa.

A animação do episódio parecia irregular em alguns momentos, principalmente em cenas que envolvem o uso de CGI. O mundo dos animes ainda não descobriu como funcionar isso corretamente, e este anime não é exceção. As cores também parecem um pouco sujas, mas isso é algo que poderia facilmente ser uma estética do anime.

Em resumo, o primeiro episódio teve um começo promissor, apesar do tema batido que é o Isekai. A proposta de colocar um ser renascido para caçar o grande Herói de outro mundo conseguiu ter muito mais acertos do que erros, e vou assistir seu futuro com grande interesse.

Nota: 3,5/5,0

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Mardonio Pereira
Mardonio Pereira
17 dias atrás

Achei interessante. Mesmo sendo um isekai achei interessante o rolê do protagonista ter renascido em outro mundo e ainda continuar como assassino. Torço para o anime ser uma boa surpresa.