Quando Naruto começou a se perder? Naruto clássico? Épico. Naruto Shippuden? Se perdeu da metade para o fim.

Cássio Firmino
(Redator de Notícias)
@cassioaugussto
Naruto Shippuden
© Naruto Shippuden / Studio Pierrot

Naruto – Ficha Técnica

Gênero: Ação, Aventura, Artes Marciais, Shounen
Estúdio: Studio Pierrot
Baseado em: Mangá
Número de episódios: 220
Estreia: 3 de outubro, 2002

É indiscutível que Naruto clássico é um sucesso absoluto! Em 2002, seu início foi bombástico e contagiante, nunca me esqueço quando comecei a assisti-lo. O primeiro período do ninja converteu várias pessoas, sendo o “start” de muitos para assistir outras animações, isto é, se tornou uma referência para milhares e eterno por sempre ser lembrado pela gama de sagas entupidas de cenas de qualidade quando o assunto é ação e aventura.

A febre era real, Naruto teve a capacidade de conquistar uma horda de fãs de toda parte do mundo. Sempre sendo apontado como o anime do momento, ele ganhou seu prosseguimento: Naruto Shippuden. Sua estreia foi no ano de 2007 e, sem dúvidas, começou muitíssimo bem! A fase adolescente do ninja impressionou muito em seu começo, mas, pessoalmente falando, caiu muito da metade para o fim.

Comparando Naruto clássico com o Shippuden

Naruto
© Naruto / Studio Pierrot

Antes de apontar quando foi que ele começou seu decaimento, acho válido e interessante comparar um pouco essas duas etapas do shinobi e, obviamente, já excluindo Boruto dessa análise. De qualquer forma, é necessário dizer que ambas fases são um sucesso só e, sobretudo, lembrar o que todo mundo já sabe que é o fato de Naruto, querendo ou não, ser uma das animações de maior sucesso do mundo, seja no quesito de qualidade ou de venda.

No clássico, que eu acho o melhor de todos, somos presenteados com sagas de nível elevadíssimo! Logo em sua primeira saga, já sentimos o impacto com o vilão Zabuza Momochi, o qual ficou eternizado na história e por muitos. Assim, tivemos um prosseguimento absurdo em relação a narrativa, animação e qualidade das sagas, com o famoso Exame Chunnin, o tenso arco do Esmagamento de Konoha e, principalmente, o momento da missão de recuperação de Sasuke.

De fato, entre essas sagas icônicas, há fillers que atrapalham, que quebram um pouco a atmosfera frenética e isso mostra que nem tudo é perfeito. Em minha opinião, os fillers são totalmente dispensáveis, apesar de ter assistido todos por ser realmente um apreciador da série naquela época. Todavia, é certo de que toda animação extensa, como Bleach e One Piece, possui episódios descartáveis e no Naruto Shippuden não é diferente também.

Só para finalizar minha análise sobre o clássico, é uma fase que ela não para, é saga boa atrás de saga melhor ainda. A qualidade é absurda e eternizou pelo seu triunfo nas lutas épicas, diversidade de habilidades para lá de interessantes, aparição de personagens incrivelmente originais e empolgantes e, sobretudo, pela sua história que é contada de uma forma condizente, certa e sem pressa.

Naruto Shippuden
© Naruto Shippuden / Studio Pierrot

No Naruto Shippuden, a saga inicial impressiona até mais do que a do começo do clássico. Logo no primeiríssimo episódio, temos o suspense da chegada de Sasuke, além da apresentação das personagens adultas que todos queriam ver. As sagas iniciais são de imensa qualidade, como exemplo a saga da missão de resgate do Kazekage e o arco da repressão da Akatsuki. Contudo, é no Shippuden que as coisas começaram a decair.

A queda de qualidade

Quando começou a saga do ataque de Pain foi que o negócio deu uma caída de qualidade. Apesar de ser uma saga fundamental para a história, foi nela que a animação começou a ser motivo de meme e chacota, além de várias pessoas droparem por motivos de falta ânimo.

Nesse ponto, a animação foi grotesca nas partes de luta e causou um furdúncio em relação aos telespectadores. Mesmo muitos achando que a luta de Naruto contra Pain é empolgante e boa, esse embate me proporcionou nada além de desanimo e de estar vendo mais do mesmo. Sobretudo, a história do vilão não é lá essas coisas cativantes, não empolga tanto. Sei que muitas irão discordar, mas essa parte para mim é o começo da queda de qualidade e é quando eu parei de ver o Shippuden.

Naruto Shippuden
© Naruto Shippuden / Studio Pierrot

Em seguida, tivemos a saga da reunião dos Kages que, sinceramente falando, não foi nada tão memorável. De fato, foi legal ver os outros líderes das vilas, a inserção de novos personagens, mas não teve nenhum estopim ou algo que realmente marcasse.

Guerra fraquíssima

Depois tivemos a famosa Guerra Mundial Shinobi, que realmente não me agradou. Reviveram personagens? Sim, mas os personagens revividos não agregaram muito, é até risível os embates deles, como por exemplo o de Deidara e Sasori. As lutas ali são céleres, não são empolgantes, salvo a aparição e a cena de luta do Uchiha Madara que é épica. Todavia, fora isso, não há nada de muito absurdo, apenas um monte de brigas generalizadas e faz com que animação se pareça que se tornou um Shounen mediano para baixo.

Por último, temos a aparição de Obito e a inclusão de Kaguya que, francamente, naquele ponto eu já estava cansadíssimo com aquela guerra e o anime em si. Ambos personagens não convencem, até Obito que era para ser marcante falhou. É fato de que a metade e o final de Naruto é muito abaixo do seu começo, não surpreende, é previsível e não anima.

Outra ponto relevante, as lutas da guerra para cima estavam longe de ser lutas ninjas. As técnicas utilizadas eram sempre absurdas e para lá de fantásticas, só pegar Kaguya como exemplo. Dessa forma, foi se usando menos armas ninjas, taijutsu e ninjutsus, mas sim apostando em genjutsus bem apelativos e invocações roubadíssimas.

Tá, mas e a luta final de Naruto versus Sasuke? É legal, realmente! Acabaram de uma maneira certa, afinal todos queriam ver uma rematch dos melhores amigos, contudo não se compara com o nível da luta deles no clássico.

Concluindo

Naruto Shippuden realmente levou uma queda na saga de Pain até seu término, o que fez muitas pessoas pararem de assistir e perderem a paixão pela obra. Para mim, o que representa Naruto como um todo é o clássico e o início do Shippuden.

E você, o que acha? Concorda com essa análise? 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
7 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Amanda Antero
Amanda Antero
1 ano atrás

Em nenhum momento acho que no Shippuuden se perdeu pelo contrário deu mais ênfase em história como do Itachi, Nagato e Outros personagens.

Ben Parkour
Ben Parkour
1 ano atrás

O que foi chato foi os fillers durante os episodios pós a grande guerra…

Dri
Dri
1 ano atrás

Bom eu concordo… Decaiu muito depois do pain. Tem ep’s que são mais chatos que os fillers, tudo repetitivo, a guerra ninja foi entediante. Só assisti pq realmente gosto do naruto clássico, me apeguei aos personagens, mas o shippuden é horrível.

David
David
8 meses atrás

Pra mim, o arco do Pain foi o auge do anime.

Depois de sua morte, aí sim que o anime começou a cambalear.

Kyuuki
4 dias atrás

Sinseramente, a animação da luta contra o Pain teve partes boas, mas algumas cenas foram realmente terríveis. A guerra para mim foi excelente, mas o que atrapalhou no geral foram os figurantes que só foram para morrer e obviamente os fillers, o Kishimoto poderia ter colocado em um especial ou algo do gênero, mas no meio da guerra?