Ao Ashi tem seu primeiro vídeo promocional revelado O anime tem estreia prevista para abril de 2022

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Ao Ashi
©Ao Ashi

No site oficial da adaptação para anime do mangá esportivo escrito e ilustrado por Yuugo Kobayashi, Ao Ashi, foi postado o primeiro vídeo promocional do projeto. O comunicado  revelou a equipe de produção e confirmou que a estreia está agendada para abril de 2022 através da NHK E-Tele no Japão.

Ao Ashi
©Ao Ashi

Elenco:

  • Kouki Osuzu como Aoi Ashito;
  • Tatsumaru Tachibana como Eisaku Ootomo;
  • Seiichirou Yamashita como Soichirou Tachibana;
  • Taku Yashiro como Keiji Togashi;
  • Shun Horie como Kuroda Kanpei;
  • Junya Enoki como Motoki Yuma;
  • Kentarou Kumagai como Ryuuichi Takeshima;
  • Chikahiro Kobayashi como Tatsuya Fukuda;
  • Maki Kawase como Hana Ichijou.

Mais sobre:

Kobayashi começou a publicar o mangá na revista Big Comic Spirits da editora Shogakukan em janeiro de 2015. Em abril de 2020, o trabalho tinha mais de 4,5 milhões de cópias em circulação. O mangá foi nomeado para o décimo prêmio Manga Taisho em 2017 e ficou em quarto lugar. Em 2020, junto com Kaguya-sama: Love is War, o mangá ganhou a 65ª edição do Prêmio Shogakukan Manga na categoria Geral.

Akira Satou (Release the Spyce, Deadman Wonderland) está dirigindo o anime na Production I.G. Masahiro Yokotani (Bakumatsu, Free!, Hataraku Maou-sama!, Re: Zero kara Hajimeru Isekai Seikatsu) é responsável por escrever e supervisionar os scripts. Manabu Nakatake, Toshiw Kawamura, Asuka Yamaguchi e Saki Hasegawa são responsáveis ​​pelo design dos personagens, enquanto Naho Kiyoike, Yukiko Watanabe, Miho Taidoji e Eisuke Shirai são responsáveis ​​pelo subdesenho. Masaru Yokoyama (A3! Season Autumn & Winter, Choujigen Game Neptune The Animation, Shigatsu wa Kimi no Uso) é o responsável pela composição da trilha sonora.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.