Estúdio Mappa está contratando e oferecendo treinamento a novos animadores para o anime de Chainsaw Man Novas instalações do estúdio já haviam sido feitas em de julho desse ano para o projeto

Igor Kakuhama
MAPPA
©MAPPA

O diretor da adaptação em anime de Chainsaw Man, Ryuu Nakayama, postou uma atualização em seu portal Fanbox anunciando que os estúdios MAPPA começarão a recrutar novos animadores para a equipe de produção do Chainsaw Man e oferecerá a eles treinamento. Embora isso não seja incomum na indústria de animes (o que inclui o MAPPA), o anúncio revela que será uma posição contratual do estúdio com todos benefícios de trabalho e até um salário mensal, tendo a possibilidade de se tornar um funcionário em tempo integral.

Nakayama explicou na postagem do blog que, embora seja um freelancer trabalhando com o estúdio, ele está colaborando com os produtores no treinamento de novos animadores para cultivar novos talentos que trabalharão em sua equipe por um longo tempo. O MAPPA, por sua vez, busca um número indeterminado de animadores para o estágio de aprendizagem, aceitando desde pessoas que se formem no próximo mês de abril ou que estejam no meio da carreira, embora tenham que morar no Japão e poder viajar para o novo estúdio de Ogikubo, onde o anime está sendo produzido. Nakayama deseja que os novos membros da equipe sejam capazes de produzir designs e animações como no vídeo promocional do Chainsaw Man no final de seus dois anos de treinamento.

O salário inicial será de 230.543 ienes (2.102 dólares) por mês, com aumentos uma vez por ano em julho com base nos resultados e um bônus em março com base no desempenho dos negócios. Os estagiários têm direito a tirar dois dias de folga por semana (geralmente o fim de semana), assim como em todos os feriados, no Obon e o final do ano. Licenças de maternidade, paternidade e ofício de condolências também são oferecidos. Toda a previdência social nacional, pensão e seguro são fornecidos, juntamente com um subsídio de deslocamento de até 30.000 ienes (273 dólares) e um abono de família, normalmente 10.000 ienes (91 dólares) para o cônjuge que não trabalha e 4.000 ienes (36 dólares) para cada criança. Os subsídios geralmente são adicionados ao pagamento mensal.

O contrato é de dois anos, com período experimental de dois meses. Depois de dois anos, dependendo do desempenho, o aprendiz pode se tornar um funcionário em tempo integral. A diferença entre um funcionário contratado e um funcionário em tempo integral no Japão significa que o funcionário em tempo integral basicamente tem um contrato para sempre, sendo incrivelmente difícil para a empresa demiti-lo. Tal abertura é quase inédita na indústria de anime, especialmente para trainees, já que a maioria dos estúdios só recorre a trabalhadores autônomos para quadros-chave ou contratos de curtíssimo prazo. Apenas alguns estúdios, como Kyoto Animation, Toei Animation e Studio Ghibli têm uma equipe de animação assalariada.

Para efeito de comparação, em relação a novas contratações (não estagiários), a Toei Animation oferece um salário-base mensal de 233.900 ienes (2.131 dólares), enquanto a Kyoto Animation oferece um salário-base de 172.000 ienes (1.567 dólares) por mês e o Studio Ghibli oferece 200.000 ienes (1.823 dólares). No entanto, vale ressaltar que a Kyoto Animation fica em Uji, perto da Prefeitura de Kyoto, que tem um custo de vida muito menor do que Tóquio, onde estão localizados os outros estúdios. As inscrições para o cargo estão abertas apenas para aqueles que vivem no Japão, embora Nakayama mencione que animadores do exterior podem enviar a ele por e-mail seu currículo para trabalhar como freelancers em Chainsaw Man.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.