Kawaii dake ja Nai Shikimori-san suspenderá vários episódios devido ao COVID-19 A nova agenda de estreias foi divulgada

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Kawaii dake ja Nai Shikimori-san
©Kawaii dake ja Nai Shikimori-san

No site oficial da adaptação em anime do mangá escrito e ilustrado por Keigo Maki, Kawaii dake ja Nai Shikimori-san (Shikimori’s Not Just a Cutie), foi relatado que o surto de COVID-19 nas instalações dos estúdios Doga Kobo finalmente vão ter um efeito sobre a transmissão da série. Os episódios agendados para 21 de maio e 11 de junho serão adiados uma semana, então a programação será a seguinte:

  • 14 de maio: Transmissão do sexto episódio;
  • 21 de maio: Suspensão. Emissão de uma compilação;
  • 28 de maio: Transmissão do sétimo episódio;
  • 4 de junho: Transmissão do oitavo episódio;
  • 11 de junho: Suspensão. Emissão de uma compilação;
  • 18 de junho: Transmissão do nono episódio;
  • 25 de junho: Transmissão do décimo episódio;
  • 2 de julho: Transmissão do décimo primeiro episódio;
  • 9 de julho: Transmissão do décimo segundo episódio.

A série é transmitida desde 9 de abril no Japão e está confirmada com doze episódios, enquanto a plataforma Crunchyroll é responsável pela distribuição no Ocidente.

Sinopse:

Shikimori parece ser a namorada perfeita: fofa, ela sabe criar uma atmosfera agradável ao seu redor, ela é doce quando quer… mas ela tem um lado bastante sombrio que só aparece em certas circunstâncias. E o namorado dela, Izumi, adora estar com ela quando isso acontece! Uma divertida comédia romântica do ensino médio com uma reviravolta na história que é perfeita para os amantes da comédia romântica de hoje.

Mais sobre:

Maki começou a publicar o mangá através de sua conta no Twitter sob o título Kawaii dake ja Nai Onnanoko, e mais tarde começou a publicá-lo através do serviço Magazine Pocket da Kodansha em fevereiro de 2019.

Fonte: Aqui.

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.