Kimi no Na Wa: Diretor nega boatos sobre alteração do final do filme Makoto Shinkai põe um fim em rumores sobre o longa-metragem animado

Gustavo Dias
(Redator de Notícias)
Makoto Shinkai
© Kimi no Na Wa

No dia 3 de janeiro, o já conhecido filme dos fãs de anime Kimi no Na Wa estreou pela primeira vez nos canais de televisão da TV Asahi, marcando assim um novo ciclo do longa, sendo essa a primeira vez que é exibido sem ser em salas de cinema ou em serviços de streaming.

Por conta disso, uma discussão já existente na internet entre os fãs do filme voltou à tona (cuidado: Spoilers do final de Kimi no Na Wa à frente, leia por sua própria conta e risco) e seria que, originalmente, o diretor Makoto Shinkai teria idealizado um final para o filme em que Mitsuha Miyamizu e Taki Tachibana não conseguiriam se encontrar ou entender um ao outro, e que assim os dois terminariam separados, cada um em seu caminho, quando o anime acabasse.

O boato sugere que esse final teria sido descartado por decisão da própria distribuidora do filme, a Toho, que não aprovou a ideia de Makoto Shinkai, e acabou obrigando o diretor a descartá-lo e a mudar para um final feliz, como nos foi apresentado em Kimi no Na Wa.

Curiosamente, muitos fãs que acreditaram no boato ficaram felizes com a “decisão” da Toho, e mesmo após o filme passar na TV Asahi, muitas mensagens de agradecimento pela mudança ainda foram enviadas para a distribuidora.

Acontece que, como dito acima, isso tratava-se apenas de um boato. O próprio Makoto Shinkai postou em seu Twitter uma mensagem, comemorando a estreia de Kimi no Na Wa na TV, e de quebra aproveitando para negar toda essa história de alteração de final.

Confira a mensagem do Twitter de Makoto Shinkai, traduzida:

Kimi no Na Wa finalmente estreou na TV, e eu recebi muitos comentários e opiniões novamente. Muito obrigado à todos! Um comentário muito repetido inclusive, de que o filme originalmente era para ter se encerrado logo após Taki e Mitsuha terem se cruzado, e que a companhia teria me obrigado a mudar para um final feliz. Isso é tudo um mal-entendido (risos). O final foi decidido na ideia original do filme, antes mesmo do roteiro ser escrito.”

Mensagem original do Twitter de Makoto Shinkai sobre Kimi no Na Wa

Twitter
© Makoto Shinkai

Com isso, Makoto Shinkai encerrou mais uma discussão pertinente sobre Kimi no Na Wa na internet.

Enquanto isso, o filme segue bem nas televisões japonesas, e recebeu uma audiência positiva de 17.4%, sendo esse número 2.2% superior à marca atingida pelo filme Shin Godzilla, que estreou no mesmo canal em novembro de 2017.

 

FONTE: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

  • José Michell

    Mesmo com esse final que a distribuidora ” teria”, obrigado o diretor a fazê-lo pra mim, foi muito desapontador, os personagens deram duro pra se acertarem, confessaram seu amor mútuo um pelo outro e não teve aquele beijo e abraço épico, um casamento, filhos e todo o acompanhamento do bolo, achei fraco mais bota fraco nisso os dois se encontrarem numa escadaria e dizerem, eu acho que te conheço de algum lugar, qual é o seu nome e acaba? e se você se pergunta e cadê o resto? O beijo? o abraço? o eu te amo? o casamento? e o diretor diz pra você imagina aí amigo: É mole ou quer mais, ainda bem que não paguei um centavo pra assistir ao filme, porque se fosse pra assistir pagando eu não assistia é nunca! Quer ver um anime com final completo, assista Inuyasha, Miroke se casa com Sângo e tem 3 filhos, Inuyasha que dá nome ao anime se casa com Agome, isso é final fechado completo com um fanservice que os fãs desejam para obra, parabéns Rumiko Takahashi e o diretor do anime a época. Já um anime que assisti esse final de semana: junketsu no Maria, teve um final bem fraco, uma confissão de amor sem beijo e sem abraço, háaaa um apertando a mão do outro sem falar que o protagonista masculino não matou o vilão que tentou estuprar sua bruxa namorada, não conseguiu e terminou vivo a peste e no final mesmo, os aparentemente casados se mudam para a vila e começam a viver sua vida de recem casados, ohhh seu diretor, nenhum um beijo e nenhum abraço? foi foda em assisti 12 episódios pra ver esse final! As vezes assisto certos animes que penso primeiro no autor e depois no diretor e imagino que porra é essa que esses caras pensaram pra esse final
    dessa historia?

    • Gustavo Duarte

      Primeiro, você nem deve ter assistido o filme para saber que o Taki escreve “eu te amo” na mão da Mitshua lá no finalzinho do filme. Segundo um filme de romance não precisa ter um beijo ou um abraço para ser emocionante. Terceiro se a sua opinião valesse, o filme não teria ganho uma porrada de prémios, então somente se pronuncie quando o autor do blog pedir a sua opinião.

      • José Michell

        Primeiro: não me importa se fulano escreveu siclano na mão:
        Segundo: um filme de romance pra mim precisa ter beijo, abraço e sexo de preferência selvagem com sexo anal e oral.
        Terceiro: Se o filme ganhou muitos prêmios não me importa, o que importa é a minha visão que tive sobra a obra! Não gostei e o final foi uma bosta!
        Achei melhor o filme de SAO, pelos tem sexo e muitos beijos e abraços!

        • Gustavo Duarte

          Viu só, nem para assistir o filme e argumentar tu presta. Quem briga com criança é criança, vou parar de argumentar se não o seu choro vai acordar a vizinhança

          • José Michell

            Idem.

        • Julioo Cesar

          Se pra tu precisar ter beijo no final eh melhor para de ver anime com romance…

          • José Michell

            Você acha que todo anime de romance acaba sem o casal principal se abraçar, beijar, fazer sexo e ter 3 filhos?