Nakitai Watashi wa Neko – Filme anime estreará de forma limitada nos cinemas O filme será lançado no dia 2 de outubro em Aichi, dia 9 de outubro em Kyoto e dia 31 de outubro em Tokyo.

Matheus Henrique
(redator de noticias)
Nakitai Watashi wa Neko
©Nakitai Watashi wa Neko

Foi revelado nesta segunda-feira (21) que a adaptação para filme anime Nakitai Watashi wa Neko o Kaburu or Wanting to Cry, I Pretend to Be a Cat (A Whisker Away) será lançado de forma limitada em alguns cinemas japoneses.

O filme Nakitai Watashi wa Neko será lançado no dia 2 de outubro em Aichi, dia 9 de outubro em Kyoto e dia 31 de outubro em Tokyo. 

A animação tinha inicialmente estreia prevista para o dia 5 de junho nos cinemas japoneses mas infelizmente devido à pandemia de COVID-19 acabou por não estrear e acabou por ser exibido pela Netflix.

Com animação pelo Studio Colorido (Typhoon Noruda, Penguin Highway, Fastening Days), a direção é de Junichi Sato (Sailor Moon, Aria the Animation, Princess Tutu) e de Tomotaka Shibayama (diretor de animação de Blue Exorcist, Le Chevalier D’Eon) e o argumento é de Mari Okada (Maquia – When the Promised Flower Blooms, Anohana: The Flower We Saw That Day).

Sinopse:

A história original sobre encontrar o verdadeiro eu se passa em Tokoname, Aichi, e se concentra em Miyo “Muge” Sasaki. Ela é uma aluna peculiar do segundo ano do ensino médio que se apaixonou por seu colega de classe, Kento Hinode. Muge persegue Hinode resolutamente todos os dias, mas ele não a nota. No entanto, enquanto carrega um segredo que ela não pode contar a ninguém, Muge continua perseguindo Hinode. Muge descobre uma máscara mágica que permite que ela se transforme em um gato, chamado Tarō. A mágica permite que Muge se aproxime de Hinode, mas, eventualmente, também pode torná-la incapaz de se transformar de volta em humano.

Mais sobre:

O filme da obra foi lançado mundialmente na Netflix em junho de 2020, após um adiamento causado pelas medidas preventivas contra o surto de COVID-19, como consta nos protocolos e pronunciamentos dos órgãos públicos de saúde, sejam eles mundiais (OMS) ou nacionais (Ministério da saúde).

Fonte: Aqui

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments