Netflix – Plataforma de streaming tem mais de 80 projetos de animações Segundo o produtor, todos esses projetos estão em produção

Matheus Henrique
(redator de noticias)
@Netflix
@Netflix

Em entrevista feita para a FORBES Japan, o produtor Yoshiki Sakurai, responsável pela divisão de anime da Netflix Japão, revelou que a plataforma acumula mais de 80 projetos de animes.

Segundo o produtor, todos esses projetos estão em produção e visa a estratégia de angariar um público que está consumindo animes pela plataforma.

“No ano passado, mais de 100 milhões de lares em todo o mundo assistiram a anime na Netflix. Mais de 100 países e territórios em todo o mundo classificaram o anime entre os dez títulos mais populares. No Japão, cerca de metade dos cinco milhões de lares que usam a plataforma e assistem a cerca de cinco horas de anime por mês.”

Em fevereiro do ano passado, a empresa anunciou parcerias com alguns estúdios de animação de médio e longo prazo com seis criadores de anime populares que incluem:  Yasuo Ohtagaki (Mobile Suit Gundam Thunderbolt) e Mari Yamazaki (Thermae Romae).

Em outubro de 2020, a empresa ampliou seu staff de produções de anime para nove parceiros e atualmente concentra-se em obras originais do Japão.

Segundo o produtor-chefe de anime da Netflix, Yoshiki Sakurai, acredita-se que o anime irá dominar o mundo.

“A Netflix foi lançada no Japão em 2015. No ano seguinte, eles já começaram a falar em focar em anime. Mas, no início, a animação não ocupava uma posição muito forte na empresa. Eu tornei-me o primeiro produtor chefe do departamento de animação do Japão em 2017, mas eu era o único da equipa na época (risos), e mesmo dentro da empresa, quando se tratava de animação, a perceção era de que eu era alguém que lidava com coisas de nicho. Agora é uma categoria em rápido crescimento, vista por mais de 100 milhões de lares em todo o mundo e com uma audiência 1,5 vezes maior que no ano anterior. O tratamento que recebemos dentro da empresa também mudou e agora contamos com uma equipa de cerca de dez pessoas. Hoje, os funcionários costumam dizer-me: “’Anime é muito importante. Acho que o mundo está finalmente a começar a perceber a grandeza do anime’.”

Na entrevista, o produtor-chefe afirma que estão preparando algo a mais de produções de gênero como ficção, fantasia e batalha. Com está delimitação, irão tentar ampliar para gêneros mais ousados, “que tal shoujo ou comédia? Quando eu estava numa produtora, o que parecia diferente para mim era que toda a equipa tinha que se concentrar numa única produção de animação, e se ela falhasse, tudo se arruinava”.

Apesar de seus grandes anseios pelo mercado de animações, recentemente, a plataforma foi questionada devido aos baixo salários oferecidos nesta parceria. Em julho de 2021, Ipeei Ichii veio por meio do seu Twitter escancarar as suas condições de trabalho entre a MAPPA e a Netflix

Mais sobre:

Netflix é uma provedora global de filmes e séries de televisão via streaming sediada em Los Gatos, Califórnia, e que atualmente possui mais de 208 milhões de assinantes. Fundada em 1997 nos Estados Unidos, a empresa surgiu como um serviço de entrega de DVD pelo correio. A expansão do streaming, disponível nos Estados Unidos a partir de 2007, começou pelo Canadá em 2010. Hoje, mais de 190 países têm acesso à plataforma. Sua primeira websérie original de sucesso foi House of Cards, lançada em 2013.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.