Ballroom e Youkoso: Revista faz importante anúncio sobre o futuro da obra Mangá desenvolvido por Tomo Takeuchi ganhará adaptação para anime

Yorran Barone
Ballroom e Youkoso
©Kodansha

A edição de fevereiro/2017 da Monthly Shonen Magazine (revista pertencente a editora Kodansha) anunciará que o mangá Ballroom e Youkoso (Welcome to the Ballroom, segundo a tradução nos Estados Unidos) ganhará uma adaptação em série animada. O ‘furo’ foi revelado pelo site Amazon. Até o momento não houve a divulgação de outras informações, incluindo o estúdio responsável, elenco e staff escalado, bem como data de estreia.

A Kodansha Comics publicará o terceiro volume da série na América do Norte em janeiro. Conforme a sinopse divulgada pela empresa citada, a trama é protagonizada pelo estudante de escola secundária Tatara Fujita. Seu objetivo é ‘tornar-se extremamente bom em algo’ (qualquer coisa).

Entretanto, ele não consegue exito e passa a ser alvo de gangues, cenário em que sofre agressões e é assaltado. Toda esta situação sofre uma reviravolta no momento em que conhece o profissional de dança de salão Kaname Sengoku. O professor o insere neste universo, tornando-se o primeiro passo para Fujita adentrar ao meio de dança competitiva. Ballroom e Youkoso é classificado como Comedy / Drama / Romance / School / Shounen / Sports. Em seu prefil no My Anime List, destaque para a nota atribuída por 1.844 membros: 8,47.

Obra

A série é de autoria da mangaká Tomo Takeuchi e teve sua estreia na revista mensal em 2011. A Kodansha publicou o oitavo volume compilado em outubro do ano passado. Neste período, Ballroom e Youkoso recebeu premiações importantes, como no 6º Manga Taisho Awards em 2013 (78 pontos e terceira colocação), além da edição do evento em 2015 (40 pontos e sexto posto).

A produção ainda garantiu a posição na categoria de leitores masculinos, referente a edição de 2013 do aclamado ranking Kono Manga ga Sugoi!. Está é a única e primeira obra produzida por Tomo Takeuchi.

FONTE: Aqui!!!

 

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.