Chainsaw Man – Publicações do diretor contra a China são descobertas Pode dar BO pro anime na China...

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Chainsaw Man
©Chainsaw Man

Com o passar dos anos nossa mentalidade muda e esquecemos alguns posts que fizemos há muito tempo e dos quais podemos nos arrepender hoje. É o que está acontecendo hoje com Ryuu Nakayama, diretor da adaptação animada do mangá Chainsaw Man nos estúdios MAPPA.

Talvez antecipando que algo assim aconteceria com ele, Nakayama atualmente tem duas contas: uma privada e outra para relações de trabalho (onde às vezes publica atualizações sobre Chainsaw Man), que é a que a maioria de nós conhece e que tem o id @ r_nkym_. No entanto, o primeiro é @yuuna_ e alguém que está entre seus seguidores aprovados acabou vazando algumas coisas que Nakayama postou no passado contra a Coreia do Sul e a China em geral.

Sobre esse relato particular, Nakayama fez uma postagem recente, onde escreveu: “Depois da minha estada em Sichuan, voltei para o Japão. Foi uma estadia de quatro dias muito agradável. Minha imagem da China e de Sichuan mudou completamente. Eu podia sentir o entusiasmo pela animação tanto ou mais do que no Japão. Eu quero voltar para Chengdu. Vejo você novamente em breve!” Talvez o seu maior erro tenha sido assegurar que ‘mudou a sua percepção da China‘, o que despertou a curiosidade dos seus seguidores, que fizeram uma longa viagem ao passado para saber as suas opiniões sobre na época.

@yuuna_
©@yuuna_

Não importa o que aconteça, tenho medo de visitar a China ou a Coreia do Sul, especialmente para comer ou beber lá”, escreveu ele em 13 de dezembro de 2011 (na postagem marcada na imagem). “Acho que o incidente do atropelamento chinês realmente mostra o nível de moralidade na China, e desprezo o fato de 18 pessoas terem passado pela garota atropelada e fugido. A teoria de que ‘algumas pessoas não são assim’ não pode ser contestada, embora a maioria das pessoas seja considerada assim”, escreveu ele em 22 de outubro de 2011, aparentemente em resposta a um vídeo viral em que uma garota é atropelada e as pessoas vão embora ela esteja ferida.

@yuuna_
©@yuuna_

Os chineses do estudo são intelectuais que são professores no Japão, mas quando se trata de questões de direitos autorais, eles não admitem a culpa, apenas defendem a China. Achei que essas pessoas seriam mais compreensivas, mas parece que a moral não é bem compreendida, independentemente do nível acadêmico ou riqueza ‘, escreveu ele em 7 de fevereiro de 2011.’ Sério, não posso mais comer comida chinesa. Eu nunca irei para a China ‘, escreveu ele em 3 de maio de 2010.’ Não sei como uma discussão com um chinês pode ficar tão confusa… Não há lógica ou argumento de qualquer espécie. Eles mudam o que dizem enquanto falam”, escreveu ele em 15 de agosto de 2011.

@yuuna_
©@yuuna_
@yuuna_
©@yuuna_

A lista é muito mais longa, mas a questão é clara: há dez anos, Ryuu Nakayama não tinha uma boa imagem da China e, o que é pior, a tornou pública em sua conta do Twitter e não apagou as postagens depois de mudar para uma nova conta que seria a sua imagem. Parece exagerado? Bem, devido a publicações semelhantes (que alguns até consideram racismo de forma radical), muitos projetos de animação acabaram sendo cancelados, sendo o mais recente o de Nidome no Jinsei wo Isekai de (Young Again in Another World), cuja adaptação animada foi cancelado quando foram descobertas publicações antigas nas quais o autor dos romances originais atacava os chineses e sul-coreanos. Então, o que acontecerá com Nakayama ou Chainsaw man? No momento, não está claro, mas o fato de que suas postagens estão se tornando cada vez mais virais nos fóruns japoneses, tornará mais fácil para elas chegarem aos fóruns da China.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.