Coronavírus ganha mangá informativo Será que o protagonista morre no final?

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Coronavírus
©Coronavírus

Enquanto vários países ao redor do mundo estão tomando medidas drásticas para controlar a curva do surto de Coronavírus, nesta semana o governo japonês disse que “ainda está aguentando” e “à beira” de declarar um estado nacional de emergência.

Embora algumas empresas adotem o teletrabalho e vários locais turísticos importantes permaneçam fechados, lojas, restaurantes e transportes públicos permanecem abertos como de costume. Além disso, as pessoas não estão sendo solicitadas a manter distância específica entre si, mas a evitar os “Três Cs”.

Com os casos aumentando em Osaka e Tóquio no momento, os governadores dessas prefeituras intensificaram contramedidas pedindo aos locais que evitem viagens não urgentes e não essenciais, e agora que o amado que comediante japonês Ken Shimura faleceu tristemente depois de contrair o vírus, as pessoas estão começando levar a sério a crescente crise de saúde.

Agora, uma nova campanha de conscientização foi criada pela Cruz Vermelha Japonesa para ajudar a educar as pessoas no COVID-19, e está chamando a atenção de todos com a personificação do vírus na forma de mangá.

Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa
Coronavírus
©Cruz Vermelha Japonesa

De acordo com a campanha de conscientização, o vírus tem três faces diferentes, que representam três tipos de infecção dos quais precisamos estar cientes, e devemos conhecê-los todos para “destruir a espiral negativa” que pode levar a uma maior disseminação do vírus.

A Sociedade da Cruz Vermelha japonesa quer que todos saibam que as três faces do vírus estão todas conectadas. O vírus desconhecido, sobre o qual não sabemos muito, gera ansiedade e medo, o que, por sua vez, gera discriminação. Quando as pessoas têm medo de serem discriminadas, elas podem se abster de ir ao médico, mesmo que tenham febre ou tosse, o que resulta na disseminação do vírus.

Essa forte mensagem contra a discriminação é realmente uma mensagem importante a ser feita no Japão, onde pessoas e lugares podem sofrer negativamente depois de serem “contaminados” por doenças. Fukushima, por exemplo, ainda é considerado inseguro como um todo após o desastre nuclear de 2011, e os descendentes dos sobreviventes das bombas atômicas de Hiroshima e Nagasaki ainda enfrentam discriminação fora de seus locais hoje.

O cantor e galã japonês Masaharu Fukuyama surpreendeu a todos quando revelou publicamente que era filho de dois sobreviventes da bomba atômica, o que fez muitas pessoas reconsiderarem suas linhas de pensamento prejudiciais.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Mauro Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Mauro
Visitante
Mauro

que droga que o corona virus chegou no japao sabia que ia afetar a industria de animes de algum modo vida longa aos animes