Ilustração provoca raiva nas feministas "Um defensor da liberdade de expressão pode dizer: “Acho que está tudo bem porque é a liberdade de expressão”?"

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Feministas
©リコシェ号 (Ricochet-gou)

O usuário do Twitter耳くそ (@J7M7oO9hF9ZuI9a)” se tornou viral depois de compartilhar uma ilustração original do artista “リコシェ号 (Ricochet-gou)”, mostrando uma trabalhadora de escritório cujos seios enormes ficaram presos na catraca da estação de metrô. A ilustração se tornou viral não apenas pela situação curiosa, mas porque o coletivo feminista no Japão tinha algo a dizer sobre isso.

リコシェ号 (Ricochet-gou)
©リコシェ号 (Ricochet-gou)

A usuária do Twitterよもぎ団子 (@yomogidango0909)”, que se descreve como feminista em sua descrição, escreveu sobre isso: “E se fosse uma foto do pênis de um homem preso em uma catraca? Um defensor da liberdade de expressão pode dizer: “Acho que está tudo bem porque é a liberdade de expressão”? Você pode dizer isso? Você pode perdoar o autor? E se vivêssemos em um mundo onde se você diz que não gosta de algo, eles dizem que você é um idiota retrógrado? Você não gosta da ideia, não é?”.

Evidentemente este foi o comentário que mais atraiu opiniões a este respeito, destacando-se o seguinte:

  • “Sempre achei desrespeitoso para as mulheres tratar os seios como órgãos sexuais, mas parece que simplesmente se trata de quando é mais conveniente tratá-los dessa maneira e quando não”;
  • “Como posso fazer pro meu pau ficar preso nas catracas?”;
  • “Não me importo que esta pintura seja exibida em um local público como uma estação de trem, mas também não me importo que o artista a tenha desenhado como hobby. Você gosta de viver uma vida onde você sente que não pode perdoar o artista por isso?”;
  • “Eu nunca li City Hunter e nunca ouvi ninguém fazer tal afirmação, ou mesmo pensar sobre isso. Como sempre, a ideia das feministas do Twitter de “você não gostaria que eu fizesse isso” não é contraatacar de forma alguma”.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.