Yuru Camp – Continuam os problemas com os locais mostrados no anime Fãs tem invadido os locais para tirar fotos

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Yuru Camp
©Yuru Camp

O portal japonês Yahoo! News Japan publicou um artigo apontando problemas relacionados à franquia multimídia Yuru Camp (Laid-Back Camp). “O popular anime Yuru Camp mostrou cenas da província de Shizuoka. No entanto, tem havido problemas com maus comportamentos nessas ‘terras sagradas”.

“Uma exposição baseada no popular anime começou em 29 de abril em Aoi-ku, cidade de Shizuoka. A exposição contou com personagens da franquia e os pontos de acampamento disponíveis foram usados ​​como modelos, e muitos fãs visitaram o local. No anime, os parques de campismo da prefeitura aparecem em várias ocasiões, tornando-se populares entre os fãs na vida real, que os visitam e os designam como “locais sagrados”. No entanto, nem todos os fãs cuidam desses lugares, então eles estão passando por muitos problemas. Em abril, uma parte do observatório na cidade de Hamamatsu, conhecida como um dos “lugares sagrados”, foi exibida no aplicativo Mercari. O observatório foi fechado em março de 2021 devido à deterioração”.

“O repórter Genki Masunaga destacou durante um segmento:“ Neste local de acampamento, que é um dos “lugares sagrados” para os fãs do Yuru Camp, foi muito visitado entre fevereiro e março deste ano, mas também foram denunciadas três pessoas que entraram nas instalações sem permissão para tirar fotografias. Por outro lado, o Ryuyo Marine Park Campground, que é popular entre as famílias por suas excelentes instalações, tornou-se bastante popular desde sua aparição no anime em janeiro de 2021”.

“O gerente do local, Koichiro Nakatani, comentou sobre isso:” Devido à influência da anime, muitas pessoas passaram a usar os parques de campismo que oferecemos”. No entanto, acrescentou: “Mas também há pessoas que entram nas instalações de forma não autorizada e tiram fotos lá dentro. Muitos desses tipos de pessoas vieram recentemente. Entre fevereiro e março deste ano tem havido intrusões não autorizadas de várias pessoas, que decidem entrar pela emoção de conhecer o local indicado no anime, mas sem pagar as correspondentes taxas”, concluiu.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.