Yuzo Kano explicou por que os salários dos animadores não estão aumentando no Japão É muito fácil encontrar animador para trabalhar no Japão...

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Anime
©Shirobako

Yuzo Kano, co-fundador e CEO da bitFlyer, Inc, fez uma postagem no Twitter compartilhando algumas supostas taxas de inflação global e observando que o Japão não aparece na lista. Kano, que trabalhou anteriormente na Goldman Sachs desenvolvendo sistemas de liquidação e como negociante de derivativos de ações e títulos conversíveis, escreveu:

“Enquanto o resto do mundo está inflando, por que o Japão não está inflando? Acho que é porque há uma grande oferta de mão de obra para empregos essenciais. Isso é o que falta aos Estados Unidos. Eles não têm pessoal suficiente não só para o restaurante, mas também para cortar a grama e cuidar do lixo. Se não houver gente suficiente, o salário por hora vai aumentar.”

No entanto, embora tenha escrito isso como algo positivo, ele acrescentou: “Existem muitas pessoas dispostas a trabalhar no Japão. Mas se houver muitas pessoas que desejam fazer isso, o salário por hora não aumentará. Esta é a situação na indústria de animação. Os produtores acham fácil contratar animadores, então eles não precisam oferecer melhores salários.

Yuzo Kano é atualmente o diretor representante da Japan Blockchain Association (JBA). Ele é membro do Comitê de Revisão de Auditoria da Avaliação do Sistema BC do Ministério da Economia, Comércio e Indústria do Japão e membro de um comitê de investigação da tecnologia de blockchain para a Associação de Banqueiros do Japão. Por outro lado, a bitFlyer opera uma das maiores bolsas de criptomoedas com mais de 2,5 milhões de usuários e desenvolve outras tecnologias relacionadas a criptomoedas.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments