Silver Chains – horror game da Cracked Heads recebe data de lançamento para Switch e PS4. Depois que seu carro bateu em uma árvore em uma noite de tempestade, Peter acorda em uma velha mansão abandonada, em algum lugar da Inglaterra.

Pires94
(redator de noticias)
Silver Chains
© Silver Chains

Estando disponível para PC via Steam desde agosto do ano retrasado, o first-person survival horror de Silver Chains agora será lançado para os consoles do PlayStation 4 e Nintendo Switch no dia 29 de janeiro, anunciaram a editora Headup Games e a desenvolvedora Cracked Heads Games.

Por fim, vale salientar ainda que apesar de uma versão para Xbox One do jogo também estar planejada, ainda não foi estipulada uma data exata para realização da mesma.

Sinopse:

“Depois que seu carro bateu em uma árvore em uma noite de tempestade, Peter acorda em uma velha mansão abandonada, em algum lugar da Inglaterra. Não se lembra por que e como chegou aqui, mas logo percebe que a casa não está tão abandonada quanto parece. Enquanto tenta encontrar uma maneira de sair da casa, ao mesmo tempo Peter tem que descobrir segredos obscuros por trás de acontecimentos antigos ocorridos neste lugar.

Enquanto tenta encontrar a saída, Peter descobre pistas que indicam que ele já esteve aqui antes. Mas, no momento em que ele começa a juntar as peças do quebra-cabeça, algo maléfico o pegou… Resolva puzzles para descobrir como você está conectado aos mistérios deste lugar. Mas tenha cuidado: uma espécie de assombração se espreita na alvenaria fria e escura e já começou a caçar você…”

Confira o vídeo abaixo:

Mais sobre:

Requisitos mínimos de sistema (Windows);

Sistema Operacional: Windows 7;

Processador: Intel Core i5-3470 (3.2 GHz) ou AMD A8-7600 (3.1 GHz);

Memória: 5 GB de RAM;

Placa de vídeo: GeForce GTX 750 Ti ou AMD Radeon R7 265;

Armazenamento: 15 GB de espaço disponível.

Fonte: Aqui.

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.