Primeiras Impressões: Drugstore in Another World Acompanhe a rotina de uma farmácia em um mundo paralelo

Sara Campos
(Revisora)
@Eusaracampos
Drugstore in Another World
© Drugstore in Another World

Ficha Técnica – Drugstore in Another World

Gênero: Comédia, Fantasia
Estúdio: EMT Squared
Baseado em:
Light Novel
Data de estreia: 07/07/2021

Mais um isekai estreando nessa atual temporada de animes, aliás a maioria dos animes que irão estrear são isekais. Não tenho muito o que dissertar sobre o primeiro episódio pois não tem muitos acontecimentos. Afinal, do que se trata Drugstore in Another World?

O primeiro episódio mostra a rotina de como funciona uma farmácia em um mundo alternativo, como funcionam as vendas e como é o processo de escolha das plantas medicinais. Noela, Reiji e Mina trabalham no comércio sendo Reiji o responsável por criar os medicamentos. Por ser habilidoso, ele ganha fama por suas criações. O anime é um tanto como educativo pois mostra o nome de algumas plantas e sua função como remédio.

Drugstore in Another World
© Drugstore in Another World

Sinopse:

A história segue Reiji, um homem frustrado com sua vida atual e seu trabalho interminável que um dia acaba sendo transportado para um mundo alternativo. Sua habilidade é criar medicamentos. Desapontado por não ter capacidade de combate, ele descobre que suas poções são realmente poderosas, então decide abrir uma farmácia com o dinheiro que acumulou.

Expectativas:

Um anime com uma narrativa tão fraca não tem muito o que se falar sobre. Nos próximos episódios deve mostrar como Reiji foi parar naquele universo pois não foi mostrado nesse primeiro e continuar mostrando a rotina da farmácia. O único fator que chamou minha atenção foi as cores, tudo é muito colorido como eu gosto. Se você gosta do gênero e não tem nada mais interessante para assistir, deveria acompanhar esse anime.

Nota: 3,0/5,0

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.