DOWNLOAD GRÁTIS para ANDROID aqui: http://bit.ly/2O4Wx2c

DOWNLOAD GRÁTIS para ANDROID aqui: http://bit.ly/2O4Wx2c

Review: K O anime com a melhor trilha sonora e arte que eu já vi!

Cássio Firmino
(Redator de Notícias)
@cassioaugussto
K / GoHands
© K / GoHands

K – Ficha Técnica

Gênero: Ação, Sobrenatural
Estúdio: GoHands
Baseado em: Original
Número de episódios: 13 episódios
Estreia: 2012

é uma obra bem especial para mim. Apesar de ter estreado há 7 anos atrás, ele é um anime extremamente marcante por diversos motivos, seja pela música, pelos personagens, lutas e, principalmente, por sua arte. Ele pode deixar a desejar na história, muitos podem dizer que é confusa, outros apontam que ela não convence, mas, de qualquer forma, é uma animação que vale a pena ir até o final, compensa muito você assistir os treze episódios desse baita anime que já está disponível no Netflix.

K / GoHands
© K / GoHands

Crítica

começa muito bem, o início é um dos seus pontos fortes. A introdução dos personagens é beirando o perfeccionismo, é brilhante a forma como ele apresenta seus personagens como Suoh Mikoto, Reisi Munakata e Isana Yashiro. Eu daria para o anime uma nota entre 9 e 10 em relação aos seus personagens, o motivo dessa nota tão alta? Personagens que convencem e que são desenvolvidos de maneira certa e, pessoalmente falando, não há nenhum personagem chato ou irritante nessa animação.

Ainda falando dos personagens, há alguns que eu gostaria de destacar como é o caso de Suoh Mikoto. Eu acho ele o personagem mais maneiro da obra, seus cabelos ruivos e jogados para trás dão um ar bem “badass” para ele, sem contar com o fato de que ele é líder da HOMRA, o clã vermelho que muitos e muitas da cidade, temem pelo seu poder e por serem mais violentos que os demais clãs. De qualquer forma, Mikoto tem a habilidade de controlar fogo e seu poder é surreal, é respeitadíssimo por todos, mesmo sendo bastante calado, difícil de se irritar também. Fora isso, é um dos poucos personagens fumantes no mundo dos animes e, querendo ou não, isso o torna mais distinto e peculiar.

Outro bem descolado é o Misaki Yata, é um dos membros da HOMRA e seguidor de Suoh Mikoto. Yata é um skatista que anda com um taco de baseball por aí, usa-o como arma e é extremamente irritável. Ele tem uma personalidade bem maneira, suas cenas com o skate são bem bonitas e seus poderes resumem-se a executar colisões violentas em seus adversários, seja com seu skate ou bastão. Sua personalidade é até engraçada, não sabe falar com mulheres e fica tímido constantemente, além de sempre roubar e cativar as cenas com suas manobras de skate ou com sua capacidade de arrumar confusões.

K / GoHands
© K / GoHands

A história dele é interessante. Eu vou ser sincero, se fosse para indicar o ponto que eu menos gostei… Seria esse, mas não por isso! O anime tem uma trama bem fundamentada e embasada. Ela é focada no garoto albino chamado Isana Yashiro que foi acusado de matar um membro querido da HOMRA, o qual o líder é Suoh Mikoto. Inconformados, os membros do clã, buscam por vingança e almejam fazer justiça com suas próprias mãos, querendo eliminar o suposto assassino. Todavia, Isana possui muitos mistérios e ligações que você só saberá assistindo o anime e, eventualmente,ele vai ganhando aliados que vão lhe ajudando na proteção contra os membros do clã do rei vermelho, mas a verdade é que ele não tem certeza se realmente é o culpado, pois não possui memória do acontecimento.

Nesse âmbito, há pessoas com grandes poderes que são chamados de reis! Como é o caso de Suoh Mikoto e Reisi Munakata.

No mais, o enredo explica bem o passado e presente, ele tem lá seus momentos fracos focando em coisas que não são muito interessantes, mas, de maneira geral, convence e fornece para o telespectador uma gama de personagens com carisma. A trama pode ser confusa, em seus episódios iniciais, mas seu desenrolar é bem natural e não forçado. Além disso, é uma história bem original e diferente das demais, é diferenciada.

Trilha sonora

Falando em trilha sonora, K é impecável e cravo em falar que é o melhor anime em questão de Ost, no ponto de músicas de cena, de ambientação, é perfeito. A abertura e encerramento não são lá tão bons, mas suas músicas ambientes são lindas, extremamente memoráveis e cativantes. Sério, caso você não tenha visto ainda, eu recomendo fortemente você que curte música em geral a dar uma olhadinha no YouTube e escutar as músicas, é fenomenal e contagiante. Para mim, a trilha sonora dessa obra, é a melhor que eu já vi, simplesmente fantástica! O som entra em perfeita harmonia com o cenário bucólico, você ouve violino junto com piano, você ouve bateria também, olha… É 10/10.

Por fim, falando de sua arte… É igual a sua trilha sonora, isto é, impecável! A trilha sonora e a arte dele andam juntas! O detalhe dessa animação é de encher os olhos de lágrimas, é fantástico, o detalhismo no mar, nas árvores, nos poderes, no semblante dos personagens, é simplesmente de deixar qualquer animação no chão. Além disso, a vestimenta dos personagens é de um detalhe absurdo, tudo é bem desenhado e não deixa nada a desejar, um absurdo de arte! Nota? 10/10.

Conclusão

Em suma, é uma animação fundamental e digna de ser assistida e, sobretudo, assistida novamente como eu fiz! Está querendo um anime de qualidade? Assista! Não haverá arrependimentos.

Nota: 9,0

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of