Primeiras Impressões: Hachi-nan tte, Sore wa Nai deshou!

Gabriel Barcelos
(Redator do Blog)
Hachi-nan
©Hachi-nan tte, Sore wa Nai deshou!

Ficha Técnica – Hachi-nan tte, Sore wa Nai deshou!

Gênero: Ação, Aventura, Fantasia
Estúdio: Sygergy SP, Shin-Ei Animation
Baseado em: Light Novel
Data de estreia: 02/04/2020

Hachi-nan não estava entre as minhas prioridades da temporada, sequer esperava algo bom, o que acabou se cumprindo. O anime possui uma premissa bem simples, muito comum no gênero isekai, e a animação segue o mesmo caminho, produzida pelos estúdios Sygergy SP e Shin-Ei Animation, o design de personagens são bem genéricos, apesar de não serem ruins, porém em se tratando de um gênero em que se popularizou e trouxe uma grande quantidade de novas histórias, algumas originais, outras não, sempre se espera algo diferente para ter o interesse, e isso Hachi-nan não traz, ao menos não demonstra trazer, afinal estamos falando apenas do primeiro episódio.

Quanto a parte visual, como citado anteriormente, o design não ajuda muito, é genérico e para piorar temos cenários bem superficiais ao meu ver, caricatos se destoando do restante, dando a impressão de termos um cenário em um plano, e os personagens em outro, em mim isso incomoda muito, acredito ser extremamente necessário ter conformidade com ambos, tem de se ter cenários que estejam conectados aos personagens e vice-versa.

Para piorar a perspectiva no que se refere a parte visual, logo no trailer e se repetindo na abertura, vemos que teremos problemas ainda maiores com alguns vilões que aparecerão, a impressão passada é de uma animação tosca nesses personagens, e fica difícil acreditar que teremos cenas fluidas, bem coreografadas quando necessário, e apenas cenas mal produzidas e com vilões que é até difícil descrever, de tão ridículo que é a animação deles.

Hachi-nan
©Hachi-nan tte, Sore wa Nai deshou!

Sinopse:

Shingo Ichinomiya, um homem de 25 anos que trabalha em uma empresa, enquanto pensa no dia de trabalho ocupado de amanhã, vai dormir. No entanto, quando acordou, encontrou-se em um quarto desconhecido e percebeu que ele estava dentro de um corpo de 6 anos de idade, assumindo seu corpo e mente. Ele logo descobre com as memórias do menino que o menino nasceu como o filho mais novo de uma família pobre e nobre que vive em um país do interior. Felizmente, ele é abençoado com um talento muito raro, o talento da magia. Esta é a história do garoto, Wendelin Von Benno Baumeister, abrindo seu próprio caminho em um mundo cruel.”

Expectativas:

Enfim, o que temos aqui é um anime genérico, de um gênero que pela exaustão está se tornando menos relevante a cada novo anime sem originalidade, mal animado e que tem vindo aos montes, o que só desgasta o gênero. Ele pode até ser interessante para quem ainda não assistiu tantos isekais assim, ou não liga tanto para parte visual. Como não estou entre esses, com certeza não voltarei a assistir o anime, achei ele bem abaixo do que espero, e visualmente só temos más notícias e tende a piorar quando os vilões/monstros aparecerem com aquela tosquice, enfim não recomendo para muita gente, apenas para os que se enquadram nas características que citei, porque se não só decepção se aguarda com o anime.

Nota: 2,3/5

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of