Otakus temem que Sanae Takaichi, uma conservadora, se torne Primeira-Ministra no Japão Pode dar ruim se ela assumir o cargo...

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Otakus
© Anime

O usuário do Twitter @rayforcegame costuma cobrir polêmicas relacionadas à cultura de mangá e anime tanto no Japão quanto no Ocidente, porém, recentemente, ele relatou uma situação bastante particular em relação à transição do primeiro-ministro japonês. Yoshihide Suga é atualmente o primeiro-ministro do Japão, mas em 3 de setembro anunciou que não disputará as próximas eleições para a liderança de seu partido e abrirá mão do cargo de primeiro-ministro, deixando a vaga para outros candidatos depois de uma gestão de menos de um ano nele.

Suga assumiu o cargo em setembro de 2020, depois que Shinzo Abe renunciou devido a problemas de saúde. No entanto, ele recebeu o bastão da administração política de um país em meio à pandemia de COVID-19, de modo que até agora as críticas à sua gestão desta catástrofe global têm apenas se acumulado, perdendo a aprovação pública e finalmente decidindo recuar.

Sanae Takaichi
©Sanae Takaichi

É aqui que entra Sanae Takaichi, uma política conservadora que pretendia assumir o cargo de primeira-ministra do Japão. Em agosto de 2021, Takaichi expressou sua vontade de desafiar o atual primeiro-ministro, Yoshihide Suga, para a presidência do Partido Liberal Democrático (LDP) nas eleições marcadas para 29 de setembro. Mas Suga já anunciou que não buscará a reeleição, então o adversário mais forte deixou o jogo.

A questão central é que Takaichi, sendo uma conservadora, promoveu várias campanhas para restringir a liberdade de expressão durante sua carreira política, e alguns trechos escrevem:

  1. ‘Afirma que “videogames com cenas de assassinato brutais, quadrinhos obscenos, sites de suicídio na Internet, sites de namoro e fóruns de mensagens cheios de calúnias são claramente prejudiciais ao desenvolvimento saudável da juventude e à criação de uma sociedade segura”, e promove leis e regulamentos contra eles’.
  2. ‘Elaborou um projeto de lei para regular a informação lesiva sobre os jovens, que imporia pena de prisão até um ano se as ilustrações e textos classificados como “nocivos” por uma Comissão para a Promoção do Forte Crescimento Juvenil sob a jurisdição do Gabinete não forem eliminados.’
  3. ‘Ela apresentou várias petições ao Parlamento para alterar a mesma lei sobre a proibição da pornografia infantil. Ela apresentou várias petições para um Projeto de Lei Básico para o Crescimento Sólido da Juventude, que regulamentaria mangás, animes, videogames e filmes.’
  4. ‘No Parlamento, ela fez uma declaração no sentido de que o governo do Japão é quem deve regular e aprovar unilateralmente a venda de software e conteúdo multimídia em nível nacional.’

Para concluir, o portal da Reuters lista cinco possíveis candidatos para se tornar o próximo primeiro-ministro do Japão, incluindo Fumio Kishida (64 anos), Sanae Takaichi (60 anos), Taro Kono (58 anos), Shigeru Ishiba (64 anos) e Seiko Noda (60 anos). Dos cinco, Takaichi é definitivamente a mais polêmica, e é até uma visitante frequente do Santuário Yasukuni, um monumento aos soldados japoneses em guerras anteriores. Esse ato, como já sabemos, enfurece a China e Coréia do Sul e, ao que parece, também tentará promover projetos contra eles, especificamente contra o ‘vazamento de informações para esses países‘. Seja como for, as coisas finalmente serão decididas em 29 de setembro.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Antonio Kelvin Rodrigues de Lima
Antonio Kelvin Rodrigues de Lima
21 dias atrás

Mano, é capaz até dela causar uma guerra contra a china com essa coisa de conservadorismo japonês. Sem falar nas censuras q ela quer impor.