Shingeki no Kyojin – Editor comentou sobre o futuro da franquia Os fãs já estão fazendo suas teorias em cima...

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Shingeki no Kyojin
©Shingeki no Kyojin

O misticismo por trás da produção da temporada final de Shingeki no Kyojin (Attack on Titan) é definitivamente combustível para rumores, e é exatamente o que aconteceu recentemente com um simples post do editor do mangá original, que escreveu no Twitter: “Obrigado ao anime “Shingeki no Kyojin”, que nos mantém felizes (e trabalhando) mesmo que a serialização do mangá original já tenha terminado. Além da animação, começamos a fazer encontros e coisas para os próximos anos, então fiquem ligados!

Nesse caso, o editor está se referindo claramente a que estão discutindo o futuro da franquia em geral, não apenas a parte da animação. No entanto, os fãs de Shingeki no Kyojin começaram a alterar as informações para fazer parecer que mais conteúdo audiovisual estava sendo planejado exclusivamente, o que é incorreto. Mesmo assim, não custa ver quais são as teorias mais populares do momento, com as mais ousadas garantindo que a segunda parte da última temporada não acabará com a história original, pois estariam planejando produzir um longa-metragem que fecha a franquia animada.

A primeira parte da temporada final estreou no Japão em 7 de dezembro de 2020 e teve um total de dezesseis episódios em sua primeira parte, transmitidos continuamente. As plataformas Crunchyroll e Funimation se encarregaram da distribuição da série no Ocidente.

Sinopse:

“A história gira em torno de Eren Yeager em um mundo onde a humanidade vive rodeada por muralhas para se proteger dos Titãs. Mas Eren não sabe que a origem destes seres, esta repleta de mistérios e revelações…”

Mais sobre:

Yuichiro Hayashi (Dorohedoro, Garo the Animation, Kakegurui ambas as temporadas) está dirigindo o anime no MAPPA. Hiroshi Seko (franquia de anime Ajin, Vinland Saga, franquia Mob Psycho 100) está voltando para supervisionar os roteiros da série. Tomohiro Kishi (Dorohedoro, 91 Days) está projetando os personagens. Hiroyuki Sawano está voltando para compor a música, ao lado de Kohta Yamamoto (Blue Exorcist: Kyoto Saga, The Seven Deadly Sins: Revival of The Commandments).

Isayama lançou o mangá na Bessatsu Shonen Magazine em 2009 e conta com 28 volumes atualmente no Japão. A editora Panini é responsável pela publicação da série aqui no Brasil e atualmente está no 26º volume. 

O mangá original inspirou um anime, diversos mangás de spin-off e séries de novel, um projeto de um filme de duas partes feito em live-action, uma série spin-off para televisão em live-action, alguns OVAs e alguns jogos inspirados na obra.

A primeira temporada do anime foi ao ar de abril a setembro de 2013 e conteve 25 episódios, e foi transmitida simultaneamente pela Crunchyroll. A primeira temporada também inspirou dois filmes compilados, que saíram em 2014 e 2015. A segunda temporada estreou em abril de 2017 contendo 12 episódios. A terceira temporada do anime contou com 22 episódios. Dois dos mangás spin-off – Attack on Titan: No Regrets e Attack on Titan: Junior High – receberam adaptações para anime.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments