KIMETSU NO YAIBA – JOGO SWORD OF THE DEVIL, ACUSADO DE PLAGIAR A SÉRIE, ENCERRA AS ATIVIDADES DEPOIS DE 5 DIAS DO LANÇAMENTO O jogo foi apontado como um plágio do trabalho de Koyoharu Gotouge

Matheus Henrique
(redator de noticias)
Sword of the Devil
© Sword of the Devil

Após 5 dias desde seu lançamento, o jogo RPG coreano para mobile chamado Sword of the Devil (귀살 의 검) anunciou nesta segunda (27) que encerrá o serviço nesta quarta (29).

Após seu lançamento para Google Play Store na Coréia do Sul. O jogo foi rapidamente apontado como um plágio do trabalho de Koyoharu GotougeKimetsu no Yaiba.

O protagonista não apenas tem uma semelhança física com Tanjiro de Kimetsu no Yaibacomo também a sua família foi morta por demônios e, em busca de vingança, ele parte em uma aventura para vencê-los.

Embora o anúncio não atenda diretamente às acusações de plágio, ele diz que o jogo está sendo interrompido devido a “vários problemas”. A equipe expressa suas desculpas por sua “imaturidade” e por “causar desconforto aos outros”. As compras no jogo já foram bloqueadas antes do fechamento oficial do mesmo.

Em entrevista para o site Game meca, o  desenvolvedor do jogo, Tennine, negou as acusações, dizendo que as pessoas só pensam que as duas propriedades são semelhantes por causa das roupas de estilo japonês e da premissa básica de combater demônios.

O site relatou que os clientes da cafeteria oficial do jogo estavam sendo expulsos do estabelecimento depois de levantar as acusações de plágio. E ainda relatou que partes da jogabilidade se assemelham fortemente a outro jogo de smartphone coreano chamado Sodeumaseuteo Seutoli (Sword Master Story).

Sinopse de Kimetsu no yaiba:

É o período Taisho no Japão. Tanjiro, um garoto de bom coração que vende carvão para ganhar a vida, encontra sua família massacrada por um demônio. Para piorar a situação, sua irmã mais nova, Nezuko, a única sobrevivente, foi transformada em um demônio.
Embora devastado por essa realidade sombria, Tanjiro resolve se tornar um “matador de demônios” para que ele possa transformar sua irmã em um humano e matar o demônio que massacrou sua família.

Mais sobre Kimetsu no Yaiba:

O mangá de Koyoharu Gotouge já inspirou um anime de televisão que estreou em abril de 2019.

Os principais membros da equipe da série anime estão retornando para a sequência. A TOHO e a Aniplex estão lidando com a distribuição do filme.

Haruo Sotozaki (Tales of Zestiria the X, Tales of Symphonia the Animation) dirigiu o anime na Ufotable (Fate / Zero, Kara no Kyoukai, Katsugeki: Touken Ranbu) também foi creditada pelos scripts. Akira Matsushima (Maria Watches Over Us, Tales of Zestiria the X) foi o designer de personagens, com Miyuki SatouYouko Kajiyama e Mika Kikuchi servindo como designers de sub-personagens. Yuki Kajiura (Sword Art Online, Fate / Zero, Madoka Magica) e Gou Shiina (Tales of Zestiria the X, Juni Taisen: Zodiac War, God Eater) compuseram a música. Hikaru Kondo produziu a série.

O mangá estreou na revista Weekly Shonen Jump em fevereiro de 2016.

A série de mangás está inspirando um novo jogo para smartphone intitulado Kimetsu no Yaiba: Keppuu Kengeki Royale além de um jogo de ação separado para PlayStation 4, intitulado Kimetsu no Yaiba: Hinokami Keppuutan.

Além disso, o mangá inspirou dois romances e uma peça de teatro.

Fonte: Aqui.

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
AnimesNepo
11 meses atrás

Sempre nos mantendo informados…Obrigado!