Avatar: A Lenda de Aang – Criadores da animação original estão fora da produção do novo live action da Netflix O possível motivo da saída dos criadores da produção original pode ser devido a diferenças criativas

Matheusantinho
(redator de noticias)
Avatar: A Lenda de Aang
©Avatar: A Lenda de Aang

Os co-criadores da série animada Avatar: A Lenda de Aang (Avatar: The Last Airbender), Mike DiMartino e Bryan Konietzko, anunciaram nesta quarta-feira (12) em site oficial e replicaram em suas contas pessoais no Instagram que estão fora da produção da série live action da Netflix.

Apesar de não revelar detalhes, o possível motivo da saída dos criadores da produção original pode ser devido a diferenças criativas, conforme o comunicado de DiMartino em seu site nesta quarta-feira (12).

Segundo o anúncio ele comenta que “muitos de vocês têm me pedido atualizações sobre a série live-action de Avatar da Netflix. Posso finalmente dizer que não estou mais envolvido no projeto. Em junho deste ano, após dois anos de desenvolvimento, Bryan Konietzko e eu tomamos a difícil decisão de deixar a produção”.

Ele ainda destaca que, quando a atração foi anunciada pelo serviço de streaming, o acordo entre eles previa total liberdade quanto ao rumo da trama. “Infelizmente, isso não ocorreu da forma que esperávamos”, comentou.

“Situações como essa acontecem. As produções são desafiadoras. Surgem eventos imprevistos. Os planos podem precisar mudar. E quando isso aconteceu em outros momentos da minha carreira, tento ser como um Nômade do Ar e me adaptar. Eu faço o meu melhor para continuar, não importa que obstáculo seja colocado no meu caminho. Mas mesmo um Nômade do Ar sabe quando é hora de encarar suas perdas e seguir em frente”, adicionou.

“E quem sabe? A adaptação da Netflix tem potencial para ser boa. Pode acabar sendo um programa que muitos de vocês irão gostar. Mas o que posso ter certeza é que qualquer que seja a versão que apareça na tela, não será a que Bryan e eu tínhamos imaginado ou pretendíamos fazer”, completou.

Você pode conferir o comunicado completo no site oficial de DiMartino e Bryan Konietzko clicando aqui!

Avatar: A Lenda de Aang (Avatar: The Last Airbender) foi anunciada no final de 2018 e ainda não tem previsão de lançamento no serviço de streaming da Netflix.

Sinopse:

A animação se passa em uma era perdida, a humanidade dividiu-se em quatro nações: os Nômades do Ar, as Tribos da água, a Nação do Fogo e o Reino da Terra. Dentro de cada nação, há uma ordem de homens e mulheres notáveis, chamados de “Dominadores”, que são capazes de manipular um dos quatro elementos nativos, fazendo uma “dobra”, que combina artes marciais variadas. Para manter o equilíbrio entre estas nações, existe um único dobrador que é capaz de controlar os quatro elementos. Esse dobrador é o “Avatar”, um escolhido que manifesta o espírito do mundo em uma forma humana. Quando o Avatar morre, o seu espírito reencarna noutra nação seguindo um ciclo milenar. Começando com o domínio de seu elemento nativo, o Avatar vai aprender como comandar todos os quatro elementos.

Mais sobre:

Com suas três temporadas iniciais (61 episódios), a série da Nickelodeon Avatar: A Lenda de Aang se tornou uma das animações mais adoradas da história. Além do sucesso nas telas, o título deu origem a uma bem-sucedida HQ e a uma série de graphic novels que continua publicando novas histórias originais. A graphic novel Avatar: The Last Airbender ficou 70 semanas na lista de graphic novels best-sellers do The New York Times, chegando à primeira posição. Os DVDs e Blu-rays também obtiveram grande sucesso, com a caixa “Avatar: The Last Airbender: The Complete Series” gerando uma receita de quase US$ 5 milhões desde seu lançamento em 2018.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
trackback

[…] Fonte: Aqui! Fonte […]