Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi – Silmulcast é cancelado na Alemanha A animação estreou no dia 13 de janeiro e já está gerando polêmicas

Matheus Henrique
(redator de noticias)
Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi
©Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi

A partir desta sexta-feira (22) a Alemanha não terá simulcast da adaptação para anime do original light novel Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi (Redo of Healer) de Rui Tsukiyo.

No dia 14 de janeiro, a AniMoon, plataforma que estava transmitindo Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi tinha revelado que iria atrasar o simulcast sem revelar o motivo.

Hoje, foi confirmado que devido a certas cenas que geraram revolta de alguns fãs ao ponto de a AniMoon fazer um comunicado no Twitter afirmando a desistência do simulcast.

Confira o vídeo promocional da animação abaixo:

Para compensar, foi confirmado que será lançado a versão sem censura e sem cortes do anime em DVD e Blu-ray no outono de 2021 na Alemanha. O conjunto de discos apresentará uma localização para alemão, a banda sonora original com legendas em alemão e extras exclusivos.

Kaifuku Jutsushi no Yarinaoshi estreou no dia 13 de janeiro e o autor da obra original, Rui Tsukiyo, já comentou que existe a possibilidade de uma segunda temporada da adaptação.

Sinopse:

A história da “fantasia de vingança” se concentra em Keyaru, um curandeiro que é usado e jogado fora por seus colegas aventureiros na suposição de que os curandeiros não podem lutar sozinhos. No entanto, ele alcança a mágica de cura definitiva e “cura” o próprio mundo, voltando quatro anos para refazer sua vida.

Mais sobre:

Takuya Asaoka (diretor do episódio de Senran Kagura Shinovi Master) está dirigindo o anime na TNKKazuyuki Fudeyasu (Tensei Shitara Slime Data-ken) está supervisionando e escrevendo os roteiros. Junji Goto (High School DxD, Senran Kagura Shinovi Master) está projetando os personagens.

Tsukiyo começou a serializar a história no site “Shousetsuka ni Narou” em dezembro de 2016, e ainda está sendo atualizada. A série tem mais de 800.000 cópias impressas.

Souken Haga lançou uma adaptação de mangá no site Young Ace Up, da Kadokawa, em outubro de 2017.

Fonte: Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

3.4 5 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
GAIBE
GAIBE
1 mês atrás

Eu falei que o mundo não tava preparado pra Kaifuku kkkk Kaifuku é foda.

Filipe
Filipe
1 mês atrás
Reply to  GAIBE

Acho uma puta hipocrisia, esses merdas vivem, assistindo hentai escondidos e quando vem um anime com uma história um pouco mais pesada querem pagar de puritanos bando de babacas.

Júnior
Júnior
1 mês atrás
Reply to  Filipe

KKK! Só hentais? Os pornôs que o digam. KKKKK! Se a pessoa ver pornografia e hentais com estupro, mesmo sendo fictício, atuações, e reclama de Kaifuku… anime, neste quesito. É ser excessivamente hipócrita, hein! Diga-se de passagem!

Júnior
Júnior
1 mês atrás
Reply to  GAIBE

Pelo pouco que vi, acredito: nunca estará e o mundo nunca irá tolerar Kaifuku. kkkk