Tsundere Akuyaku Reijou Liselotte to Jikkyou terá adaptação para anime Ainda não foram revelados detalhes sobre a produção

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Tsundere Akuyaku Reijou Liselotte to Jikkyou no Endou-kun to Kaisetsu no Kobayashi-san
©Tsundere Akuyaku Reijou Liselotte to Jikkyou no Endou-kun to Kaisetsu no Kobayashi-san

Em um comunicado foi anunciado que as light novels escritas por Suzu Enoshima e ilustradas por Eihi, Tsundere Akuyaku Reijou Liselotte para Jikkyou no Endou-kun to Kaisetsu no Kobayashi-san (Endo and Kobayashi’s Live Commentary on the Villainess), serão adaptados para anime. O anúncio não revelou detalhes da produção ou uma data de lançamento agendada.

Tsundere Akuyaku Reijou Liselotte to Jikkyou no Endou-kun to Kaisetsu no Kobayashi-san
©Tsundere Akuyaku Reijou Liselotte to Jikkyou no Endou-kun to Kaisetsu no Kobayashi-san

Sinopse:

Por fora, o vilão otome Liselotte parece nojento em todos os sentidos, um personagem puramente maligno. No entanto, conforme revelado em seu diário, ela sempre escondeu sua dor e seus verdadeiros sentimentos pelo Príncipe Siegward. Enquanto o escondia, uma bruxa malvada acaba possuindo-a, causando sua morte, um fim trágico para o vilão tsundere. É assim que a história sempre funciona, um final codificado no jogo MagiKoi. Membros do clube de transmissão Aoto Endou e Shihono Kobayashi decidem jogar este jogo.

Em outro universo, o Príncipe Siegward ouve suas vozes, acreditando ser uma revelação divina de um deus e uma deusa. Essas vozes lhe dão uma dica sobre algo que você não notou antes: Liselotte é realmente incrivelmente adorável! Não há reinicializações neste jogo, e há apenas uma chance de mudar o futuro do malfadado vilão. Nos anos seguintes, essas duas entidades, que guiariam o país para a prosperidade e a grandeza, seriam conhecidas como os comentaristas Endou e Kobayashi.

Mais sobre:

Enoshima e Eihi começaram a publicar as light novels por meio da editora Kadokawa em abril de 2019, e a editora concluiu o trabalho com a publicação do segundo volume em agosto do mesmo ano. Uma adaptação para mangá por Rumiwo Sakaki foi publicada na revista B’s-LOG Comic desde junho de 2019.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.