Top 5 animes da temporada de Primavera 2021 Confira os animes que mais chamaram atenção da nova temporada

dflobo

1º Lugar – Fruits Basket: The Final

Se tivesse que destacar o que sinto em uma frase de poucas palavras a minha escolha do número desta lista e também para minha lista pessoal dos melhores animes que já assisti seria “FRUITS BASKET: THE FINAL É O CIDADÃO KANE DOS ANIMES”.

É difícil até por onde começar a escrever e detalhar os motivos que me levam a essa escolha. São tantos e ainda sim, fico pensando que iria precisar de um livro Páginas Amarelas inteiro para expressar minha gratidão por ter tido a oportunidade de assistir a este anime. Claro que está é a última temporada e ela se destaca em comparado a primeira e segunda, no entanto, o anime como um todo é completo. Tudo desde o primeiro episódio até o último foi preparado de maneira que não somente trouxesse as respostas para cada arco, como também traz uma conclusão linda que não deixa vestígios e permanecerá sempre no coração e na mente dos amantes de anime.

Falando um pouco da produção do anime, o estúdio por trás dessa obra-prima é TMS Entertaiment, que traz em seu extenso currículo de reprodução obras como Dr. Stone, ReLife, Kamisama Hajimemashita (Kamisama Kiss), Megalo Box, D.Gray-man e o ainda em continuidade na televisão e competindo diretamente com One Piece em relação há quantidade de episódios, Detective Conan.

Anteriormente, o anime, baseado no mangá escrito e ilustrado por Takaya, Natsuki, vencedor do prêmio Kodansha Manga Award em 2001 na categoria shoujo e melhor manga no American Anime Awards de 2007 teve um anime contendo 26 episódios produzidos pelo Studio Deen de Julho a Dezembro de 2001. Contudo, o anime não teve continuação e foi cancelado devido a conflitos entre a autora e os produtores do estúdio, por conta de mudanças na história devido ainda ao lançamento do mangá.

Foi somente em 2019 que a TMS Entertaiment lançou o remake, com a supervisão direta da autora e seguindo o desejo dela de realizar uma mudança completa em relação ao visual do de 2001 além da troca dos dubladores. O resultado não tem nem comparação.

Para os espectadores que ainda não começaram a assistir o anime (se você está lendo este artigo assim que acabar tem a obrigação de iniciar o anime, garanto que não será perda de tempo na sua vida!), só irei deixar registrado que o anime é a temporada final da história iniciada de Honda Tohru, uma jovem que a pouco tempo perdeu a mãe em um acidente trágico e está vivendo em uma tenda na propriedade da família Souma.

Um dia, o dono da casa Souma Shigure e seu primo Souma Yuki, um colega de escola de Tohru descobrem seu segredo e oferecem abrigo. Quando tudo parecia que iria melhorar, Tohru descobre o misterioso segredo que esconde a família Souma. Seus familiares quando abraçados por alguém do sexo oposto se transformam nos animes dos signos do calendário Zodíaco Chinês. Seguimos então a jornada de Honda convivendo com a família Souma e descobrindo mais sobre os motivos que levam eles a terem essa peculiaridade.

Conforme dito, difícil procurar destacar somente um ponto a respeito de um anime que no meu olhar é completo em todos os aspectos. Desde o processo de transformação tudo é muito bem detalhado e encaixado em cada mínimo frame nos episódios. Se tivesse que destacar três pontos principais, estes seriam o roteiro, a trilha sonora e a animação.

Cada personagem é extremamente desenvolvido e recebe o merecido destaque. Não há correria para desenvolver cada um, todos são muito bem trabalhados e encaixados de maneira importante envolvendo a personagem central. A animação é um espetáculo a parte, cada mínimo detalhe em cada cena está muito bem otimizado, o uso de cores para a demonstração dos momentos em cada cena é um show de magia, tudo isso em conjunto da excelente direção, buscando sempre os ângulos certeiros para criar uma relação única.

A trilha sonora é o que me faz arrepiar cada vez que a escuto, mesmo quando não estou assistindo o anime. Cada nota, som e melodia funciona como um imã em cada cena e só fortalece mais ainda a dramaturgia.

Fora 2 anos de muitos alegrias, lágrimas, arrepios, sorrisos, vibrações e todos os tipos de sentimento que alguém poderia expressar. Desde a primeira temporada iniciada em abril de 2019 até junho deste ano de 2021, tivemos incríveis 63 episódios e nenhum arrependimento por uma das melhores escolhas da minha vida.

Fruits Basket é um exemplo de vida para mim e irei levar para sempre em minha memória e coração seus ensinamentos, assim como suas maravilhosas lembranças e também passar adiante e recomendar para o público assistir a este espetáculo já criado na cultura do anime.

“Concordam com a lista? Teriam feito diferente de mim? Deixem suas opiniões abaixo e comentem os motivos de suas escolhas desta temporada.”

 

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jader Coelho
Jader Coelho
2 meses atrás

Eu não assisti o da 3 posição Vivy escolheria Higehiro, Koi to Bo e Nagatoro no meu Top dessa temporada junto com Tokyo Revengers e Fumetsi no Anata

João Almeida
João Almeida
2 meses atrás

Definitivamente o primeiro lugar foi merecidíssimo, cada um dos episódios foi feito com primazia, só uma palavra descreve, excelente, a melhor temporada de todos os animes que assisti até hoje