Shonen Jump – Administrador de site chinês é condenado por divulgar scans da revista A editora ainda exige uma indenização

Ana
(Supervisora da redação)
@anapnf
Shonen Jump
©Shueisha

Shueisha (Shonen Jump) revelou que o tribunal de Xuhui, na China, condenou o administrador de um site chinês que estava distribuindo ilegalmente mangás da editora.

O tribunal condenou o administrador a três anos de prisão na sexta-feira passada, embora a sentença esteja suspensa por três anos (a sentença de prisão não será executada a menos que o réu seja condenado por outro crime nos próximos três anos). O tribunal também multou o administrador em 80.000 yuanes (cerca de 1,2 milhão de ienes ou 11.000 dólares).

Shueisha também quer uma indenização num caso separado num tribunal civil. O réu admitiu os atos, escreveu uma carta de desculpas, e concordou em pagar uma indenização à editora.

Mais sobre:

O site foi aberto em 2013 e começou a publicar digitalizações de mangá traduzidas para chinês da revista Weekly Shonen Jump, da Shueisha, dias antes das edições impressas serem lançadas oficialmente no Japão. O site obtinha receita com anúncios e possuía 400.000 utilizadores únicos. O Departamento de Segurança Pública Municipal de Xangai prendeu o administrador do site em 30 de outubro.

Fonte:Aqui!

SUA OPINIÃO É IMPORTANTE. COMENTE AQUI!
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião
deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of